Duas catedrais chamam a atenção de todos que passam por Londres: Westminster Abbey e Saint Paul’s Cathedral. E eu não poderia deixar de conhecê-las.

Westminster impressiona por sua grandiosidade, seu passado e sua beleza.Com seu estilo gótico anglo-francês, a Abadia foi um local marcado por grandes coroações da monarquia inglesa e pelos casamentos reais. Lá também foram enterrados nomes da realeza assim como personalidades marcantes da história e da ciência como Isaac Newton, Chales Darwin e Shakespeare, cada um recebendo uma homenagem diferente em seus memoriais.

lateral da Abadia de Westminster

Um detalhe interessante: a Abadia de Westminster é considerada um “royal peculiar”, um termo utilizado para determinar um local de culto sob jurisdição de um monarca britânico ao invés de uma diocese.

parte internda da Abadia de Westminster

A visita nos permite caminhar em apenas um sentido pré-determinado, passando pelos pontos mais importantes da igreja. O ingresso é um pouco salgado, custa 16 libras para os adultos, mas em tempos de real valorizado acredito que vale o investimento, afinal Westminster, além de ser um marco na história inglesa, é de encher os olhos de tamanha beleza e riqueza nos detalhes.

lateral da Abadia de Westminster

Também é importante dar aquela consultadinha básica nos horários de funcionamento para não correr o risco de perder a visita.

Abadia de Westminster

Se estiver pensando em levar seu filho para conhecer a Abadia, não deixe de pedir uma pequena brochura na entrada da igreja. Eles entregam um mapa cheio de brincadeiras, dicas e informações históricas em uma linguagem especial para a criança entender tudo aquilo que ela está conhecendo. Vi várias mães brincando de encontrar “pistas” com seus filhos.

lateral da Abadia de Westminster

Não é preciso mencionar que o casamento real mais esperado dos últimos anos será celebrado por ali no finalzinho de Abril, não é mesmo? o.O

parte internda da Abadia de Westminster

Já a Saint Paul é uma Catedral anglicana que também chama a atenção por sua beleza.

O ingresso, também na linha dos ingressos nada baratinhos, custa 14,50 libras, mas lhe garante uma visita monitorada sem custos adicionais que mostra detalhes sobre a história, a arquitetura e o cotidiano da Catedral além de poder conhecer as várias alas abertas à visitação, incluindo a subida até a cúpula da Golden Gallery, famosa por mostrar uma bela visão panorâmica da cidade.

Se quiser economizar algumas libras e tempo na fila, vale a pena comprar o ingresso pela Internet no próprio site da Catedral. Por lá o ingresso para adultos sai por 12,50 libras.

Como eu cheguei depois do horário de visitação não precisei comprar o ingresso, mas não consegui fazer a visitação completa :( Entretanto consegui conhecer um pouco da parte central da catedral e ver os preparativos para a missa cantada da tarde.

detalhe Catedral de Saint Paul

Se você quiser assistir a uma missa ou conhecer rapidamente apenas a parte principal da Catedral de Saint Paul sem pagar nada, você pode chegar antes da abertura às visitações (entre 7:30 a 8:30 da manhã) ou depois do fechamento da bilheteria (depois das 16h). Confira os horários no site da Catedral para evitar surpresas.

Catedral de Saint Paul

Não deixe de aproveitar e tomar um sorvete sentadinho nas escadarias da Catedral, maior programa dos londrinos que por ali passam nas tardes de verão ;)

Se gostou do que viu, assine o blog!


    8 Comentários
  1. Toda vez que vejo alguma postagem de Londres ou da Europa em si, percebo que eu estou perdendo tempo!!! É muito lindo… as igrejas, os jardins, a arquitetura, enfim tudo!!

    Quero ir!!!

    • Ahh Carol, você precisa passar uns dias pela Europa e com certeza voltará apaixonada por lá. Londres então nem se fala… :)

  2. Já tem 11 anos que fomos para Londres e a cada post que leio vejo que está mais que na hora de voltar!!!

    Adorei :)

    • Londres é uma cidade tão rica culturalmente que não importa quantos dias você já passou por lá, sempre vai ter algo novo e bacana para conhecer.

  3. Ao passar pela Catedral de St Paul (abril 2010), fiquei pelo menos uns três minutos gravando o repicar dos sinos. Era tão lindo que quis guardar para ouvir de vez em quando e ficar recordando tanta beleza ….

    Bjs

    Mary

  4. Oi Mary.

    A catedral é linda mesmo! Nós também pegamos os sinos tocando na primeira vez em dois momentos, um enquanto estávamos em na frente dela e depois quando estávamos no ônibus do City-Tour.

    Inté,

    Fred Marvila

  5. Quais o horário das missas dominicas e semanais ainda não achei se alguem souber publica.

Deixe seu Comentário