Viagem internacional sempre nos trás à cabeça as compras no Free Shop, ou Duty Free se preferirem :P

Free Shop Duty Free Sydney Australia

Foto por Ryan Wick

Eu acho que as compras no Free Shop são muito interessantes, pois não tiram tempo da sua viagem e, em alguns casos, valem realmente a pena.

Resolvi então dar algumas dicas sobre como economizar tanto dinheiro como tempo nas compras nos Free Shop do Brasil ou do Exterior.

Free Shop, ou Duty Free, são lojas que vendem produtos sem os impostos cobrados pelo país onde elas se encontram, deixando o preço dos produtos mais atrativos. Além disso, no caso do Brasil, muitos produtos do Free Shop não são encontrados facilmente dentro do país. Por isso são tão amadas por quem viaja para o exterior :D

No Brasil, a Dufry é a empresa que administra os Free Shops dos maiores aeroportos internacionais do país.

DuFry free shop duty free brasil

Economizando em compras nos Free Shops

Para quem está empolgado com a possibilidade de comprar eletrônicos no Fnac do novo Terminal 3 de Guarulhos, saiba que no momento não é bem assim. Leia o post abaixo onde nós explicamos em mais detalhes essa questão:

Dicas de Compras no Free Shop: Tirando todas as dúvidas

[Atualização: 17/05/2014]

Regrinhas para compra nos Free Shop

  • Você só poderá comprar coisas no Free Shop se estiver viajando internacionalmente. Se estiver viajando pelo Brasil você não poderá comprar nada lá.
  • A cota para compras no Free Shop do Brasil ao desembarcar no país é de 500 dólares. Essa cota não é descontada da sua cota de 500 dólares de compras no exterior :D
  • No embarque não há limite de compras, mas tudo entrará na cota de 500 dólares de compras do exterior ao voltar ao Brasil. Claro que o chocolate que você comer antes de voltar não conta :P
  • As compras nos Free Shops fora do Brasil entram na sua cota de 500 dólares de compras no exterior, pois é como se você estivesse fazendo compras normais lá fora.
  • Nas compras feitas nos Free Shop do Brasil há limitações na quantidade de certos itens como bebidas, tabacaria, perfumaria, relógios, eletrônicos, etc.
  • Nem adianta tentar comprar mais que a cota, o sistema do free shop não deixará você comprar mais que o permitido.

Mais detalhes no site da Dufry - Cotas e direitos de compra.

Dicas para economizar e não ter problemas ao fazer compras no Free Shop

Algumas dessas dicas valem não somente nos Free Shops do Brasil, mas também nos do exterior :)

Reserve os itens antes de viajar

A Dufry permite que você reserve suas compras sem compromisso direto pelo site deles ou em uma das lojas dentro das salas de embarque.

Isso é uma mão na roda já que os itens reservados estarão esperando por você na volta, lhe poupando tempo, já que você não precisará ir atrás daqueles itens, e a preocupação de não saber se o item estará em falta ou não. Ah, e alguns itens, quando reservados têm descontos extras, ou seja, você ainda economiza dimdim :D

Como a reserva é sem compromisso, você pode devolver qualquer dos itens da sua reserva sem ter de pagar nada por isso. Muito útil quando não se sabe se o preço dos outros Free Shops no exterior estão melhores.

Para fazer a reserva pelo site ou na loja é necessário ter o seu passaporte, número e horário do vôo da volta.

No embarque peça desconto

Um amigo acabou de me dizer que é possível conseguir bons descontos dependendo da quantia gasta quando as compras são feitas antes de embarcar. Então, se quiser comprar alguma coisa no Free Shop no embarque para sua viagem, não esqueça de pedir o cupon de desconto :D

Compare preços dos itens no exterior

Essa é uma dica meio óbvia, mas que às vezes a gente esquece >.<

Antes mesmo de ir viajar, você pode entrar no site do Dufry e pesquisar os preços e os itens que gostaria de comprar. Aproveite para já fazer sua reserva :)

Anote esses preços para poder comparar com os preços dos outros Free Shops por onde passar. Por experiência própria, nos EUA os preços são parecidos, mas o Black Label estava 2 dólares mais caro que no Brasil. Já a Grey Goose estava em promoção por 4 dólares a menos que por aqui :D

Cuidado para não confundir as unidades monetárias

Os preços dos Free Shops na Europa, por exemplo, estão em Euros, mas é muito fácil esquecer disso e achar que os preços estão mais baratos que no Free Shop do Brasil (cobrado em dólar).

Eu mesmo já comprei uma Absolut por 14 euros achando que era dólar e acabei pagando mais caro que os 16 dólares do Brasil #fail

Alguns itens do Free Shop não são mais baratos que no exterior

No Free Shop do Brasil, os eletrônicos às vezes são muito mais caros que se comprados em lojas no exterior, principalmente nos EUA. O mesmo vale para alguns outros itens como malas e acessórios.

Claro que os valores são melhores que nas lojas dentro do Brasil, mas é preciso comparar os preços com os praticados nas lojas do país que você vai para não se arrepender.

Procure no exterior itens que não existem no Free Shop do Brasil

Eu reparei que bebidas, perfumaria e óculos de sol são itens que normalmente têm um ótimo preço no Free Shop do Brasil. Raras as vezes que eu encontrei esses itens mais baratos no exterior. Quando encontrei era em alguma promoção do tipo leve 2 e ganhe um descontão.

Por isso eu aconselho comprar no exterior apenas aqueles itens que não existem no Free Shop do Brasil, como uma bebida diferente ou um lançamento de produto que não chegou por aqui ainda. Claro que se o item existe por aqui mas está mais barato no Free Shop lá fora, compre por lá mesmo :P

Lembre-se das regras de líquidos nos aviões

Aquela regra de limite de líquidos ou gel trazidos no avião também vale para compras em Free Shops, mas somente quando comprados antes de passar pela segurança na entrada das salas de embarque.

Uma vez dentro da sala de embarque, você pode comprar, por exemplo, uma garrafa de bebida e levá-la a bordo sem problemas. Você notará que a garrafa será embalada e lacrada pelo caixa do Free Shop, mas se eles não fizerem isso, confirme com eles se realmente não é necessário.

Lembre-se também que alguns vôos em escala necessitam que você saia da sala de embarque, ou seja, você terá de passar pela segurança novamente. Neste momento eles podem encrencar com os líquidos que você comprou no Free Shop do aeroporto anterior e exigir que você deixe ou despache os itens.

Sendo assim, eu recomendo que você só compre itens líquidos ou gel no Free Shop da sua última parada antes de voltar ao Brasil para evitar esse tipo de problema.

Pague em dólar

Com o aumento do IOF, as pessoas começaram a comparar se realmente vale a pena fazer as compras internacionais com o cartão de crédito. Daí a opção de pagar a conta do Free Shop em reais começa a ficar interessante. Daí vem a dúvida: vale a pena pagar em reais ou dólares?

Em toda loja da Dufry existe uma tabela de conversão de moedas e o que eu sempre reparei é que o valor do dólar que eles usam é muito ruim, pois é muito mais caro que o dólar turismo, mesmo se contar os 6,35% de IOF do cartão de crédito.

É possível também pagar em outras moedas como o Euro, por exemplo, mas essa opção também não é muito boa pois a taxa de conversão não é das melhores. Ela só é vantajosa se você tiver muito euro sobrando e não tiver planos de voltar à Europa para usá-los no futuro.

Update 26/02/2012: O Rafael comentou que há alguns descontos do dia e que também valem descontos nas compras seguintes, mas é preciso perguntar para o vendedor, pois às vezes eles não avisam. Então sempre pergunte por promoções, quem sabe aquele item que você quer não está com precinho camarada? :P

Se gostou do que viu, assine o blog!


    63 Comentários
  1. Boa noite, irei viajar em breve e estou muito confusa. Faz pouco tempo que anunciaram que irá vender o IPhone 5S no Free Shop do aeroporto de são paulo, sem o imposto é claro, então seria 650 dolares. A minha dúvida é: posso comprar na ida da minha viajem? Se puder, tenho que declarar algo, aonde? E se só for possível comprar na volta, tem que declarar também?

    • Oi Thayná.

      A loja da Fnac que venderá eletrônicos a preços dos EUA está presente apenas no embarque, pois não é possível comprar mais que 500 dólares em itens no Free Shop da volta.

      Esses itens comprados na ida (seja iPhone ou qualquer outro), entra na cota de compras internacionais e o valor que passar dos 500 dólares de cota está sujeito a pagar imposto. Você pode, claro, arriscar e não declarar, mas se for parada, pagará o imposto devido + multa no mesmo valor do imposto.

      Estão dizendo que é possível comprar o iphone e não pagar imposto se você não levar nenhum outro celular na viagem, pois ele entraria como celular de uso pessoal, mas isso não está confirmado. Se puder dizer como foi sua experiência por aqui, nós agradecemos :)

  2. poxa, acho que é burrice minha mas, se o free shop nao permite q nossas compras excedam os 500 dolares, porque raios existem produtos de 1000 dolares, por exemplo? como fazer pra compra-los entao!?

    obrigada!! vc faz um otimo trabalho nesse site :D

    • Obrigado, Dani :)

      Na verdade, itens acima de 500 dólares só existem no Free Shop da ida que funciona como uma compra em lojas do exterior e entram na sua cota de compras internacionais, tendo de ser declarados na chegada ao Brasil.

  3. Olá, gostaria de saber se posso fazer compras no dutyfree de guarulhos, sendo meu destino final recife! Estou indo da china/abudhabi/SP/recife. Obrigado

    • Olá Elaine!

      É possível sim! Eu viajei de Toronto/Detroit/ Guarulhos e Rio! Voce poderá comprar nesse caso na primeira parada aqui no Brasil que é Guarulhos ou VCP se for o seu caso! Se deixar para comprar em Recife, nao terá como pois seu voo (Guarulhos/Recife)terá sido considerado como nacional,

    • É isso mesmo, Eric. Obrigado!

    • Oi Elaine. Como foi dito, é só no aeroporto de chegada ao Brasil que você pode fazer o Free Shop por aqui (e usufruir dos 500 dólares “extras” de isenção).

  4. Boa tarde, estou indo para Buenos Aires, e dizem que só se tem acesso ao dutty free de Guarulhos na IDA, é verdade?
    ou consigo ir na volta tb?

    Obrigado e parabéns pelo blog.

    • Oi, Valmir.

      Você consegue passar pelo Free Shop / Dutty Free de São Paulo tanto na ida quanto na volta da sua viagem para Buenos Aires ;)

    • Muito Obrigado Natalie ;)

  5. Boa tarde! Estou indo para Santiago em agosto e quero comprar alguns itens no free shop, gostaria de saber se posso comprar no free shop do Brasil e pagar com cartão de crédito sem pagar IOF?

  6. Olá, tenho escala internacional em Roma antes de chegar ao Rio, percebi que perfumes que é de meu interesse, está mais em conta no free da Itália q no Brasil. Posso comprar e embarcar com esse perfumes na mochila, já que, não terei acesso as minhas bagagens( 5 perfumes diferentes de 100ml). E quando chegar no Brasil quero comprar uísque ( 3 garrafas) posso embarcar no avião doméstico com as garrafas embaladas e lacradas pelo free shopping? Obrigado

    • Oi Tiago.

      Se você comprar no free shop antes do vôo que chegará ao Brasil, então você não deve ter problemas. Normalmente o free shop “lacra” a sacola e você já está na área de embarque, ou seja, não passará pela segurança novamente.

      No brasil, líquidos em vôos nacionais não são problemas e as suas outras 3 garrafas também não devem atrapalhar, mas isso vai da companhia aérea e da quantidade de bagagem de mão que você estiver levando. Se for só uma mochila pequena, não deve ter problemas não :)

  7. Vou para o Uruguai amanhã e quero comprar um iPhone 5s na Duty Free, mas quero comprar na volta pelo preço dos 650 dólares. Tem como comprar em Guarulhos? Ou eu teria que comprar no aeroporto de Montevideo?

    • Oi Ana.

      Espero que ainda dê tempo. Comprar no Free Shop, infelizmente, não significa que você irá comprar com preços de EUA ou parecidos. Cada loja cobra o preço que quer nos itens que quiser e eletrônicos são geralmente MUITO mais caros que nos EUA, por exemplo :( Pra não dizer impossível, eu acho muito improvável que você encontre iphones pelo preço de 650 dólares sendo vendidos e aquela história da FNAC com preços de EUA não existe porque eles foram proibidos de trabalhar como free shop por enquanto.

      ALém disso, você só consegue passar da cota de 500 dólares nos free shops aqui do brasil se comprar na IDA, pois não há “limite” estabelecido, mas ele conta para sua cota de compras internacionais como eu explico no post abaixo:

      Dicas de Compras no Free Shop: Tirando todas as dúvidas

      Talvez você encontre algum iphone a preço bom no Uruguai ou nos Free Shops de lá, mas não tenho ideia do preço :/

  8. Olá,
    Tenho um cartão de crédito (tipo ATM) em dólar, se eu utilizar este cartão para as compras no free shop, não pagarei nada mais além do seu valor em dólar, correto? É como se eu tivesse pagando em dólar mesmo, certo?

    • Exatamente, Julio. Essa cobrança de IOF é feita pela empresa de cartão de crédito aqui do Brasil. VTMs e cartões do tipo no exterior não entram nessa conta :)

  9. 1 2 3
Deixe seu Comentário

    Pingback e Trackback
  1. [...] semana, a Fernanda comentou aqui no blog que estava com algumas dúvidas sobre como fazer compras no free shop (ou duty free, como são [...]