“People who travel accept other people as they are much more easily.” -Bill Burbage

Quando liguei pro Bill, ele me convidou pra ir “pub crawling” com ele e seu amigo Paul após o treinamento e depois ir “grill a stake” na casa do Paul.

Claro que aceitei, afinal seria uma ótima oportunidade de comer um churrasco americano 😛

O interessante disso foi que o convite partiu do próprio Paul que, mesmo sem me conhecer ainda, já tinha ligado pra esposa para ela comprar mais um steak.

Cheguei em Downtown Orlando pela primeira vez com o dia claro. O centro da cidade é interessante, e saindo do centro a cidade fica mais bonita com muitos lagos, árvores, parques e casinhas típicas americanas.

Deixei o carro num prédio de estacionamento em frente à biblioteca pública de Orlando e segui para encontrá-los em frente a um bar onde estava havendo um pequeno evento da Jose Cuervo. Ainda era cedo para ter muita gente, mas aquela região fica cheia à noite e algumas das ruas são fechadas para que as pessoas passeiem mais livremente.

Orlando Museum - First Orlando Courthouse

Orlando Museum - First Orlando Courthouse

Essa praça era na realidade o prédio do primeiro tribunal de Orlando e o prédio ao fundo era ligado a ele. Os presos ficavam no topo do prédio enquanto esperavam pelo julgamento. Não dá pra ver direito, mas há algumas estátuas de crocodilos e um “Crocodile Dundee”. Onde o casal está sentado há uma pequena cascata que é ligada no verão.

Encontrei com Bill e Paul no bar, eles terminaram a cerveja e então fomos a outros dois bares. Em cada um, eles pediam uma cerveja e depois de terminar, eles vão para o próximo. Há vários vares nessa região da cidade.

Como eles são muito corretos (aham… claro. :P), eles estavam de bicicleta para não terem que ir de carro e poderem beber o quanto quisessem.

Saindo do terceiro bar (antes de encontrá-los não sei por quantos já tinham passado), fomos à casa do Paul jantar.

Chegando lá, sua mulher Lissa (dois S mesmo) nos recebeu e foi muito gentil comigo. Conheci a gata deles e também descobri que eles também são grandes viajantes e trocamos histórias de viagens e culturas 🙂

Paul, Lissa e Bill ao fundo

Paul, Lissa e Bill ao fundo

That is a Bad Ass Stove!

That is a Bad Ass Stove!

Cat

Cat

Depois do ótimo jantar composto por batatas cozidas com o primeiro sour cream que era efetivamente sour que eu já comi, creme de espinafre  (eu até comi, juro!), pão com alho, um baita steak e algumas Cuba Livre, assistilmos ao filme “Se beber, não se case (The Hangover)” que é uma comédia pastelão bem divertida.

Foi realmente divertida a noite com eles. Experimentar o “american way of life” deles foi muito interessante. E nem eu ter ficado preso no banheiro por causa de uma maçaneta estragada foi problema 🙂

Paul e Lissa foram muito legais e eu espero poder encontrá-los outras vezes quando vier a Orlando novamente. Bill é sem dúvida uma ótima pessoa que sempre nos ajuda e cede a casa para enviarmos nossas muambas 😛 Sem contar que ele conseguiu tickets super baratos e em ótimos lugares para o jogo dos Magics x Clippers de hoje 😀 Quem puder assistir, talvez me veja 😛 Começa às 7pm EST ou 9PM Brasil.

Confesso que achei que ia me sentir meio deslocado na casa do Paul e Lissa pois todos falam que os americanos são muito frios. Contudo foi uma ótima surpresa perceber que eles me trataram tão bem e e fizeram me sentir em casa. Thanks a lot, Bill, Paul and Lissa! You rock!

No final da noite levei o Bill até sua casa e foi quando ele disse a frase que inicia o post. It is #SoTrue.

É isso aê, e que venha meu primeiro jogo da NBA. Go Magic!

Você também poderá gostar

Se gostou do que viu, assine o blog!


    5 Comentários
  1. Como é bom encontrar pessoas queridas e que nos tratam tão bem, né? Muito legal a experiência.

    Eu e o Vini já participamos de um pub crawl em Berlim e foi mega divertido! E estámos todos a pé. É isso aí. Se beber, não dirija.

    • Sem dúvida! Numa das vezes que eu vim aqui fizemos um bar hopping (mesma coisa :P) nos bares da mesma região, mas era uma área fechada e vc tinha de pagar para entrar, mas foi altamente divertido e tinha banda tocando ao vivo tb.

      Orlando não é só Disney e parques 🙂

  2. Gostaria de escrever duas coisinhas:
    1º) Vc comendo creme de espinafre, só acredito se eu realmente presenciar a cena;
    2º) Juro que vou pedir que na próxima encarnação eu tenha uma oportunidade como essa…. oh! menino de sorte!
    Ah! e não esquecendo…. assistir a uma partida da NBA, não é para qualquer um!!! Divirta-se.
    Saudações ouropretanas
    Saudades
    Sônia

    • pois é. Comi creme de espinafre. Ok, era espinafre refogado com um creme quase líquido, mas estava bom e sem gosto forte de espinafre 😛

Deixe seu Comentário

    Pingback e Trackback
  1. […] cheguei a Orlando nesta última viagem, eu queria fazer programas diferentes do que normalmente se faz. Queria ver se a Orlando além dos […]