Chicago também é referência no quesito arte pública e o Millennium Park é casa de muitas delas, sem contar as que ficam no centro da cidade, no Grant Park e no Soldiers’ Field.

O que fazer no Millennium Park?

The Cloud Gate – mais conhecido como O Feijão (The Bean)

The Cloud Gate Chicago

E você, querido leitor, imaginou que eu falaria sobre o Millennium Park mas não citaria o feijão mais famoso dos EUA? E onde eu colocaria todas as centenas de fotos minhas e do Fred fazendo caretas?

The Cloud Gate Chicago

Apesar de ser mais conhecido como The Bean, seu nome original é The Cloud Gate. Ele foi criado pelo designer Anish Kapoor e foi inspirado no mercúrio líquido e reflete e distorce o skyline da cidade. Um prato cheio para os turistas que passam por ali sempre procurando uma foto diferente.

The Bean Chicago

The Bean Chicago

The Crown Fountain

A fonte foi criada pelo artista Jaume Plensa e é formada por enormes painéis de LED que exibem os rostos dos moradores de Chicago. “Gente como a gente, nada de famosos como Oprah ou Obama”, disse uma moradora toda orgulhosa.

Crown Fountain

As fontes fazem referências aos gárgulas das mitologias e à água como símbolo da vida. E essa água que sai da fonte forma um pequeno espelho d’água onde as pessoas aproveitam para brincar e se refrescar durante o curto verão da cidade. Nem o próprio artista esperava que a população fosse interagir dessa forma com sua obra.

Crown Fountain

Quando passamos por lá, a fonte estava desligada, mas o painel ainda funcionava. Dá para imaginar a festa que rola por ali 🙂

Jay Pritzker Pavilion

Projetado pelo famoso arquiteto Frank Gehry, criador do Museu Guggenheim de Bilbao na Espanha, o Jay Pritzker Pavilion é um teatro a céu aberto, elaborado para receber concertos e apresentações artísticas. Ele fica dentro do Millennium Park e a sua estrutura metálica, que remete a muitas outras criações do arquiteto, é de surpreender. Até os detalhes da acústica foram bem planejados de maneira com que as caixas de som não atrapalhem ou formem algum tipo de eco com o som que vem direto do palco.

Millennium Park Chicago

No verão, as apresentações são de ótimos artistas. Imagine sair do trabalho para encontrar os amigos para aquele happy hour e ainda se dar ao luxo se escutar um bom grupo de jazz ou a orquestra sinfônica da sua cidade tocando ao ar livre no final de uma bela tarde de sol? Um verdadeiro privilégio.

Pavilion Chicago

BP Bridge

Essa ponte não é apenas mais uma ponte interessante e bonita feita de aço. Ela foi projetada para criar uma barreira acústica para proteger o Jay Pritzker Pavilion do barulho do tráfego da avenida que passa por ali. Que mundo mUderno esse, não é mesmo?

BP Bridge - Chicago

BP Bridge - Chicago

Harris Theater

Ainda dentro desse complexo do parque fica o Harris Theater, casa da Chicago Opera, Hubbard Street Dance e palco para muitas outras renomadas companhias se apresentarem. Sabe o que chamou mais a minha atenção? Que lugar do mundo abriga uma ópera no mesmo teatro que abriga uma cia de dança de rua? Achei lindona essa iniciativa 😀

Lurie Garden

Também não deixe de visitar o Lurie Garden, um jardim lindo e agradável para passear e aproveitar um novo ponto de vista do skyline da cidade.

Lurie Garden Chicago

Clique aqui para conferir todas as nossas dicas e roteiros de Chicago \o/

Você também poderá gostar

Se gostou do que viu, assine o blog!


    12 Comentários
  1. Natalie e Fred, os posts de Chicago estão muito legais! Estou adorando rever essa cidade que tanto gosto e está me dando uma baita saudade de voltar!

    Abraços!

    • Alê,
      os dias que passamos por lá foi tão bacana! E seus posts nos ajudaram muito no começo do nosso planejamento. Fizemos uns passeios tão legais e espero conseguir fazer posts tão interessantes quanto as atrações que visitamos por lá. Sem dúvidas, Chicago merece uma segunda visita 🙂

  2. Caros,
    moro em Chicago há tres anos com minha mulher e nosso filho de 4 anos. A cidade é realmente uma maravilha, e voces captaram muito bem várias coisas relevantes em uma viagem de férias apenas.

    Parabéns!
    Abraços
    Roberto

    • Obrigado Roberto!

      Chicago nos surpreendeu muito. Esperamos ter a oportunidade de voltar para conhecer um pouco mais 🙂

      Até,

    • Roberto, obrigada pelos comentários 🙂

      Chicago deveria entrar no roteiro dos brasileiros que vão para os EUA sem falta. Cultura, arte, arquitetura, compras…

  3. Olá, estou procurando informações sobre Chicago e encontrei vcs…
    Infelizmente terei apenas um dia e uma noite em Chicago, gostaria de um auxilio.
    Voces poderiam me ajudar a fazer um roteiro?
    Gostei do passeio de segway…
    Sugerem algum hotel que facilite conhecer um pouco da cidade?
    Devo alugar carro ou dá pra se virar com taxi e transporte publico?
    Abç
    Alexandre

    • Oi Alexandre.

      O passeio de Segway é muito legal, e dura umas 3h. Ficar num hotel perto da Michigan Avenue (veja este post: http://sundaycooks.com/2011/08/31/chicago-onde-ficar-e-como-chegar/) é a melhor pedida, mas é onde estão os hotéis mais caros também.

      Se fizer o passeio de segway pela manhã, vc pode almoçar por ali no Millennium Park. Dali depende do que vc gosta. Se gostar de arte, tem o Art Institute bem ali pertinho também. Ir no Field Museum é muito legal tb (eu adoro a SUE :P) e ali perto ainda tem o planetário e o aquário.

      Se quiser fazer alguma coisa diferente, vc pode fazer o Tour do Chicago Greeter ou mesmo o Food Tour que termina na hora do almoço e vc conhece bem uma parte da cidade a pé. Nesse caso vc pode terminar o dia fazendo o Segway tour e no millennium park e até na Macy’s.

      Dá uma olhada na página de Chicago, se vc ainda não tiver visto. Todos nossos posts estão por lá e temos um recap da nossa viagem para lá tb.

      http://sundaycooks.com/category/viagens/estados-unidos/chicago/

  4. Oi Fred, eu de novo. Como vc faria um roteiro pra aproveitar bem 3 dias em Chicago? Estou lendo seus posts e são mto bacana. Só que tem tanta coisa prá ver e fazer que a gente fica um pouco em dúvida, por isso peço essa help. Outra coisa, prá quem não é tão bam-bam-bam no inglês, dá prá se virar com um “pouquito” de espanhol? À propósito, lá tem aquele ônibus de turismo tipo seightseeing?
    Grato. Vinicius.

    • Fala Vinicius.

      Cara, depende muito do que você gostar de fazer e de como estiver o clima.

      No Millennium Park deve estar funcionando o rink de patinação que vale a pena ir. Museus, vc pode colocar de 1 a 2h. Os que eu sugiro são o Field Museum (imperdível), o planetário e o aquário se gostarem. O Art Museum tb é bem legal e grande.

      John Hancock Observatory e Skydeck sao bem legais. Tente ir a pelo menos um show de blues ou Jazz. Em Março é possível que já estejam acontecendo jogos de Baseball e, como é começo de temporada, fica mais barato. Só que é friaca pura 😛

      O problema é que Chicago é muito legal de andar e passear, mas estando muito frio fica complicado fazer isso 🙁 Se a temperatura estiver próxima dos 0 graus, ande pelos parques também 🙂

Deixe seu Comentário

    Pingback e Trackback
  1. […] Festival de Jazz também vai mudar de lugar em 2013 e seus principais shows acontecerão no Jay Pritzker Pavilion que fica dentro do Millennium Park. Uma ótima oportunidade para aproveitar o parque e curtir […]

  2. […] Sunday Cooks, […]