Dizem que o Brasil é o lugar com a maior quantidade de tribos indígenas isoladas no mundo, seguido por Papua-Nova Guiné.

Independente de quem é o campeão em quantidade, vai ser difícil alguém tirar da Índia o título de “Dona da Tribo Mais Antissocial e Famosa do Mundo”. É lá, no arquipélago de Andamã e Nicobar, em uma ilha chamada Sentinela do Norte, que vivem os sentinelenses, um povinho do capeta.

Não se sabe exatamente quantos sentinelenses existem e ninguém tem coragem de aparecer para fazer a contagem certa: os poucos aventureiros e pesquisadores que se atreveram a pisar na ilha foram mortos sem misericórdia.

Por este histórico, é óbvio que os sentinelenses nunca tiveram contato prolongado e direto com a nossa civilização. Não se sabe nada sobre seus hábitos, cultura ou língua e não existem imagens do interior da ilha. Os caras são considerados um dos povos mais isolados do mundo.

christian caron (CC BY-NC-SA 2.0)

Fui atrás de algumas histórias desse pessoal enfezado e encontrei coisas incríveis.

• Desde o século X os sentinelenses são descritos como selvagens ao extremo, inclusive com lendas de que devoram os intrusos.

• Em 1986, um homem escapou de um presídio em uma ilha vizinha e parou em Sentinela do Norte. Virou peneira: dias depois, seu corpo foi visto na praia crivado de flechas e degolado.

christian caron (CC BY-NC-SA 2.0)

• Em 1996, o governo indiano proibiu o acesso à ilha e resolveu deixar os sentinelenses em paz. As águas ao redor são patrulhadas para que nenhum Joselito se aproxime.

• A ilha foi atingida pelo tsunami de 2004. O governo indiano ficou preocupado com o povo e enviou uma missão de ajuda para lá. O helicóptero foi recebido por flechadas e pedradas.

• As últimas notícias são de janeiro de 2006. Dois pescadores bêbados pararam na ilha com sua canoa. Foram recebidos como bois em um matadouro e acabaram em picadinho.

Mr Minton (CC BY 2.0)

É, os sentinelenses não estão para brincadeira. Mas se mesmo depois destas histórias você também tem vontade de (no máximo) enxergar a Sentinela do Norte de longe, fique feliz porque existe essa possibilidade. Não é fácil, mas existe.

christian caron (CC BY-NC-SA 2.0)

Vá até Port Blair, a capital das ilhas Andamã e Nicobar e procure algum pescador que tope levar você até o mais próximo possível da Sentinela do Norte.

Veja onde se hospedar em Port Blair

Importante: cogite que isso pode ser ilegal (não consegui confirmar, mas há boatos). Não diga que não avisei.

Enquanto não consegue chegar lá, dê uma olhada nesse vídeo. É dos anos 70 e mostra bem a simpatia dos caras.

Se gostou do que viu, assine o blog!


    8 Comentários
  1. Eles não devem adicionar ninguém no Face… 😉

  2. Ótimo pra eles. Tomara que ninguém nunca chegue perto mesmo!

  3. Realmente incrível ! E o melhor para eles é manter distância mesmo, e manter a sua cultura . E esse vídeo é espetacular.

  4. São alienigenas preparando o ataque a terra”!

  5. Post fantástico, como sempre. Eu cogitei chegar em Port Blair, mas como só isso já era uma aventura e tanto acabei deixando para lá. E, pelo histórico da tribo, acho que eu não ia fazer questão de ver os sentinelenses nem de longe…

  6. Povinho do capeta foi comédia kkkkkkk
    É tão interessante saber que ainda existem povos assim…é como se o passado do nosso mundo estivesse presente neles…vamos deixá-los em paz…acho que a aversão deles a intrusos deve ser reflexo do péssimo contato dos ingleses e franceses nessas regiões.

  7. Também fiquei chocada com o viídeo! Nunca tinha ouvido falar desse povo, impressionante isso! Ótimo post como sempre!

  8. Amei o post, super interessante!
    sempre pesquiso sobre esses povos isolados,
    amo estudar esse tipo de assunto,
    é uma coisa meio que exótica,
    queria ir lá, mais não quero morrer! haaahaa

Deixe seu Comentário