Os sírios dizem que Damasco é a cidade mais antiga do mundo continuamente habitada. Não é bem assim. Existem controvérsias quanto a datas e até quanto à definição do que significa “ser uma cidade”.

w43l (CC BY-NC-ND 2.0)

Enquanto historiadores, arqueólogos e similares discutem para definir estas coisas, fui atrás da lista de lugares que se dizem os mais velhotinhos do mundo. Encontrei destinos bem interessantes.

Na verdade, as listas das principais candidatas ao título mudam por aí. Mas segundo o Wikipedia, o top 5 é esse aqui embaixo:

Damasco

Abdulsalam Haykal (CC BY 2.0)

druidabruxux (CC BY-NC-SA 2.0)

A capital da Síria diz que é habitada há 11 mil anos. Mas as más línguas dizem que não existe prova de que um número suficientemente grande de pessoas viva nela há tanto tempo, o que significa que ela não pode ser considerada “cidade” desde aquelas épocas.

Jericó

Fica na Palestina, mais precisamente na Cisjordânia. Também diz ser habitada há 11 mil anos, mas os entendidos no assunto juram que ela foi destruída e abandonada muitas vezes (inclusive por séculos), o que a deixaria fora da disputa por não ter sido “continuamente habitada”.

RadoB (CC BY-NC-SA 2.0)

Avital Pinnick (CC BY-NC-ND 2.0)

Se não levar este prêmio, pelo menos Jericó já garantiu outro: é a cidade mais baixa do mundo, 260 metros abaixo do nível do mar.

 

Veja onde se hospedar em Jericó

 

Biblos

Um destino obrigatório no Líbano, Biblos (que hoje é Jbeil) também é a primeira praia candidata ao título de mais antiga do planeta.

Omar Chatriwala (CC BY-NC-ND 2.0)

LeRamz (CC BY-NC-SA 2.0)

Dizem que é habitada há 9 mil anos – e não encontrei nada que contrariasse esta afirmação. Aparentemente, ela só não é declarada oficialmente no posto porque depende da confirmação (ou não) das duas anteriores.

 

Veja onde se hospedar em Biblos (Jbeil) • 

 

Sídon

Se nada se confirmar com as 3 cidades anteriores, o título de Miss Cidade Antiga vai para esta outra praia libanesa, que se proclama habitada há 6 mil anos.

gordontour (CC BY-NC-ND 2.0)

eric anderson (CC BY-NC 2.0)

Sídon fica a 40 km de Beirute e o Lonely Planet diz que é tão charmosa quanto Biblos.

 

Veja onde se hospedar em Sidon (Saïda) •

 

Faiyum

Entre as top 5, Medinat Al-Fayoum (ou simplesmente Faiyum, para os convivas) é a única candidata fora da Ásia: fica no Egito e também diz que tem moradores há 6 mil anos.

All rights reserved by Amira B.Eldeen

sierragoddess (CC BY-ND 2.0)

Faiyum era a cidade de descanso preferida de alguns faraós, mas o mais interessante nela é que já foi chamada de Crocodilópolis pelos gregos, que achavam que os répteis do lago Qarun eram sagrados.

 

Veja onde se hospedar em Faiyum •

 

Enfim, uma destas destas deve ser a Mãe de Todas as Cidades. Na dúvida sobre qual é, o melhor é visitar todas.

Você também poderá gostar

Se gostou do que viu, assine o blog!


    3 Comentários
  1. Damasco sempre esteve nos meus planos, mas agora já era…

    Ah, faltou Erbil, a capital do Curdistão iraquiano, né? 🙂

  2. Sana’a também não entra na listagem? Abraço.

    • Oi, André. Certamente Sanaa é velha pra caramba (dizem que foi fundada por um neto de Noé), mas não aparece entre esse número de cidades aí. Deve aparecer mais para baixo na lista. Abraço!

Deixe seu Comentário