Aos olhos dos ocidentais, de maneira geral, todos os véus islâmicos são “burcas”, mas a realidade é que existem diferenças bem grandes entre cada um deles.

All rights reserved by Elena Senao

Para você não passar por burrico na frente de um muçulmano, fiz uma lista (baseada em uma matéria da BBC) mostrando os principais tipos, com fotos bonitas e tal. Espero que ajude.

• Hijab

É o mais comum e, na minha humilde opinião de homem ocidental, é bonito pra caramba. Tem várias cores e estampas.

All rights reserved by damonlynch

All rights reserved by mohammadi2010 (link) | damonlynch (link)

All rights reserved by damonlynch

All rights reserved by damonlynch

• Al-Amira

É feito de duas peças: uma touca e uma echarpe. Também acho charmosão, mas me confundo horrores com a shayla (o véu a seguir).

All rights reserved by damonlynch

All rights reserved by eve rivera

Razan Ghazzawi (CC BY-NC-SA 2.0)

• Shayla

É longo e retangular, podendo ser fixado na altura dos ombros. Não achei nada muito claro na internet, mas, comparando com a descrição da BBC, me parece que é esse aqui embaixo.

All rights reserved by ybiberman

• Khimar

É um véu longo que normalmente vai até a cintura. Pode ter variações no comprimento, mas sempre cobre os ombros da mulher.

All rights reserved by dol2519

All rights reserved by sergiopigo

• Xador / Chador

Deixa apenas o rosto à mostra. Entre os modelos conservadores, é o mais liberal.

kamshots (CC BY 2.0)

• Niqab

Só os olhos ficam à mostra, mas também podem ser escondidos com um véu. É o clichê de todo fotógrafo que quer mostrar “a sensualidade escondida na mulher islâmica”.

Hani Amir (CC BY-NC-ND 2.0)

Peregrino Will Reign (CC BY-NC-SA 2.0)

• Burca

Sua velha conhecida das notícias sobre o Afeganistão. Cobre tudo e a mulher só vê através de uma tela.

Marius Arnesen (CC BY-SA 2.0)

AfghanistanMatters (CC BY 2.0)

É mais ou menos isso. Os nomes de cada um podem variar de região para região e, se pesquisar, você vai ver muito mais coisas. Mas assim está bom para quem só quer saber o básico.

*****

Gostou? Leia também os outros posts sobre a viagem ao Irã

ANTES DA VIAGEM (estudos e preparativos):

– Se você pensa que iraniano é árabe

– Feliz ano novo

– Muito prazer, Ferdowsi

– O paraíso é persa

– Arg-e Bam, um tesouro quase perdido

– O heroi americano do Irã

– Temperada com milênios de história (ATUALIZADO DEPOIS DA VIAGEM)

– Vou-me embora pro Irã

– O visto iraniano e uma historinha

– Todos os iranianos do Irã

– Os judeus do Irã

DEPOIS DA VIAGEM:

– Irã – Prologo

– O país mais injustiçado do mundo

– O Irã numa casca de pistache

– Teerã: é amor?

Você também poderá gostar

Se gostou do que viu, assine o blog!


    17 Comentários
  1. adoreei o texto , as explicações ! tiram a duvida de varias pessoas que não conhecem a minha cultura e assim como elas uso o véu .. shayla!

  2. Vc chegou a perguntar se elas gostam de usar essas coisas?

    • Nice, eu não conversei com todas essas mulheres (aliás, essas fotos nem são minhas). Com as poucas com quem conversei no Irã, sim, elas usavam por religião e gostavam. =)

  3. Sou professor de geografia e certas informações do mundo islâmico eu ainda não conhecia. Muito bom seu texto.

  4. Olá Gabriel!
    Estou encantada com seu blog!!Especialmente no que diz respeito ao Irã..pois meu marido trabalha lá desde 2009 e estive no país por duas vezes.
    Muito bom ler coisas positivas de lá..pois só quem tem a oportunidade de conhecer a hospitalidade deles sentem isso e sabem o quanto gostam dos brasileiros!
    É claro que quando fui pra lá usei o Hijab..e me atrapalhava toda!hahaha..mas acho mto charmoso tb!
    Parabéns..virei fã! =)
    Abraço!

  5. Acho que o hijab é o modelo mais, digamos, “liberal”, na visão dos muçulmanos. É óbvio que é muito bonito, mas acho que isso de usar burca e talz é coisa muito machista, mas religião e cultura não se discute, néh?

  6. 1 2
Deixe seu Comentário