Olomouc é uma charmosa cidade na região da Morávia e que me lembrou muito a cidade de Ouro Preto. A semelhança não está nos morros da cidade, mas sim em sua vibe, em suas infinitas igrejas e no fato de que boa parte da população é composta por estudantes 😛

Olomouc - maquete da cidade

Olomouc: Stay overnight

Fundada no século X, Olomouc (lê-se: o-lo-mou-tce) hoje tem uma população de pouco mais de 100.000 habitantes, sendo a 6a. maior cidade da República Tcheca. Além disso, ela é a capital histórica da região da Morávia e a metrópole eclesiástica da região, o que me fez entender porque há tantas igrejas na cidade 😛 Ah, e essa é mais uma cidade da República Tcheca que tem um Patrimônio da Humanidade da UNESCO: a Holy Trinity Column.

Olomouc - flores na sacada

Olomouc é uma cidade em que os turistas geralmente passam poucas horas visitando-a, seja por um bate e volta de alguma cidade vizinha (Praga está a 2:30h dali) ou como ponto de passagem para outras cidades como Brno, que está menos de 1h de distância.

Para tentar mudar essa imagem, o escritório de turismo da cidade resolveu criar a campanha Stay overnight para mostrar que Olomouc tem muitos outros atrativos e que a melhor maneira de aproveitá-los é passando pelo menos uma noite por lá.

Olomouc - casinhas

Tendo como base o que eu conheci da cidade e o que as brochuras que eu recebi mostram, Olomouc é uma cidade para se passar até mais de uma noite 😛

As principais atrações de Olomouc

Em Olomouc você irá encontrar muitos monumentos, fontes, igrejas, prédios históricos, uma infinidade de lugares para visitar e programas que agradam a todo o tipo de pessoas. São atrações para famílias, para quem gosta de cultura, para quem gosta de natureza e para quem gosta de festas, afinal ter uma grande população de estudantes tinha de ter suas vantagens :mrgreen:

Olomouc - Fonte do Arion - crianças brincando

Dica: Se você está pensando em ir para Olomouc, tente ir Quinta, Sexta ou Sábado que são os dias em que a cidade está mais viva e cuja noite ferve 😉

Rafting no rio Morava

Essa foi nossa primeira parada: um passeio bem tranquilo de rafting pelo rio Morava que corta o belo parque da cidade. O pessoal da Perej Tours foi quem nos acompanhou junto com um guia local que ia explicando tudo o que víamos, de castelo à beira do rio até antigas muralhas da época em que a região foi dominada pelos romanos.

Olomouc - rafting no rio Morava

Eu estava esperando um passeio de rafting daqueles cheios de corredeiras e acabei deixando minha câmera no carro… Fico devendo essa para vocês 🙂

Holy Trinity Column

Este monumento é um dos Patrimônios da Humanidade da República Tcheca e é o maior grupo de estátuas barrocas em um único monumento da Europa Central.

Olomouc - Holy Trinity Column 01Olomouc - Holy Trinity Column 02

São 18 esculturas de Santos, 12 portadores da luz e 6 bustos dos apóstolos. Na parte central temos a Assunção da Virgem Maria e no topo a representação da Santíssima Trindade. Em sua base, o monumento ainda tem uma pequena capela que é aberta em datas comemorativas.

Olomouc - Holy Trinity Column detalhes

Ao encontrar a coluna pela primeira vez, preste atenção a cada detalhe das esculturas, é impressionante 🙂

Relógio Astronômico

Localizado no prédio da prefeitura de Olomouc, na praça central e bem pertinho da Holy Trinity Column, o Relógio Astronômico de Olomouc passou por diversas renovações desde a sua criação no século XV. Ele já foi Gótico, Renascentista, Barroco e hoje tem temas comunistas.

Durante a 2a. Guerra, o relógio foi destruído pelos nazistas e posteriormente reconstruído pelos soviéticos, tornando-se o único relógio astronômico comunista do mundo 🙂

Olomouc - Relógio Astronômico 01Olomouc - Prefeitura

Podemos ver essa influência comunista nas figuras representando trabalhadores, cientistas e atividades ligadas à agricultura no lugar de santos e temas religiosos, comuns em outros relógios astronômicos. No calendário também é possível ver datas comemorativas dos heróis soviéticos.

Olomouc - Prefeitura e relógio astronômicoOlomouc - Relógio Astronômico 02

Este é meu monumento favorito em Olomouc 😀

Dica: O relógio toca todos os dias ao meio-dia.

Fontes da cidade

Há duas grandes praças no centro histórico de Olomouc, a Upper Square (a praça principal) e a Lower Square. Essas duas praças estão ligadas por um caminho que me lembrou muito a região entre a Praça Tiradentes e o Largo São Francisco. Nesse caminho estão localizadas várias das famosas fontes barrocas dos Séculos XVII e XVIII com motivos mitológicos.

Olomouc - Fonte do César

Olomouc - Fonte barroca

Fonte do César, dedicada ao fundador da cidade Galius Julius Ceasar, Fonte do Mercúrio, Fonte do Hércules e a Fonte do Arion (criada em 2002) são as principais fontes da Upper Square. No verão, você terá a oportunidade de ver os moradores e várias crianças se divertindo por ali 🙂

Olomouc - Fonte do Arion

Olomouc - Fonte do Tritão

Igreja de São Maurício

Também na praça da Upper Square está a Igreja de São Maurício. Datada do final do período Gótico no Século XV, ela recebeu o maior órgão da Europa Central em 1745. Este órgão é usado até hoje em celebrações especiais na igreja.

Olomouc - Igreja de São Maurício

Olomouc - Sinos da Igreja de São Maurício

Além de bela, a Igreja de São Maurício vale pela visita ao topo de uma de suas torres, de onde podemos avistar a praça, além de boa parte de Olomouc 😀

Olomouc - Torre da Igreja de São Maurício

Dica: Suba a torre da igreja para ter uma vista panorâmica da praça e da cidade.

Catedral de São Venceslau

A Catedral de São Venceslau (Saint Wenceslas Cathedral), já mais a leste da cidade, é outro ponto importante. Ela foi construída em estilo romanesco e consagrada em 1131, mas diversos incêndios fizeram com que ela precisasse ser reconstruída várias vezes, adquirindo suas características góticas entre os Séculos XIII e XIV.

Olomouc - Catedral de São Venceslau 01

Olomouc - Catedral de São Venceslau 02Olomouc - Catedral de São Venceslau - altar

Sua torre de 100,65m de altura é a mais alta de toda a Morávia, fazendo parte do skyline da cidade 🙂

olomouc-republica-tcheca-19

Mesmo não sendo pertinho das Upper e Lower Squares, bastam alguns minutos de caminhada para chegar à Catedral de São Venceslau.

Onde ficar em Olomouc

Por ser uma cidade que tem um centro histórico concentrado em uma área pequena, por assim dizer, a dica é ficar em algum hotel dentro dessa área histórica. Assim você poderá curtir os bares, restaurantes, atrações todas a pé e sem precisar usar transporte público.

Hotel Arigone

Nós nos hospedamos no Hotel Arigone a poucos quarteirões da praça central onde estão os principais pontos turísticos de Olomouc e, claro, de diversos bares e restaurantes. O hotel é dividido entre 2 ou 3 prédios, um ao lado do outro. Talvez por questões de preservação, os prédios não têm interligação entre si e você precisará andar alguns metros na calçada para chegar ao seu prédio e de lá ao local do café da manhã 😛

Olomouc - Hotel Arigone 02

Gostei da localização do hotel e do quarto que, apesar de não ser enorme, era confortável e mais que suficiente para uma pessoa.

Onde comer em Olomouc

Já que a ideia é ficar no centro histórico, não há como escapar de restaurantes que pareçam pega-turista 😛 Mesmo assim, os restaurantes da República Tcheca são bons mesmo quando são turísticos, por isso, quando passear pela cidade, já aproveite para escolher seu restaurante 🙂

Olomouc - Restaurante Moravska

Eu tive a oportunidade de conhecer o Moravska Restaurace (Horni namesti 23) e gostei bastante. A decoração era típica da região e a comida estava bem saborosa. Escolhemos um vinho tcheco para tomar que combinou muito bem com o jantar.

Olomouc - Restaurante Moravska - decoração

Outra opção é o Potrefená Husa (Opletalova 364/1) que, em Praga, este é um dos meus lugares favoritos 🙂 Infelizmente eu só descobri que havia uma filial em Olomouc hoje, ao fazer o post >.<

Ambos ficam ou na praça principal ou em uma travessa da praça 🙂

Este foi apenas um resumo do que há em Olomouc 🙂

Seja passando pela cidade, seja dormindo uma noite, garanto que você irá adorar a cidade!

Clique aqui para conferir todas as nossas dicas e roteiros da República Tcheca \o/

Fred viajou para a República Tcheca a convite do CzechTourism.

Se gostou do que viu, assine o blog!


    3 Comentários
  1. Qq lugar que parece Ouro Preto merece uma visita! Melhor ainda se for sem os morros rs

    • ahahahaha verdade, Fernanda! E aqui na Alemanha passamos por algumas cidades que também capricharam nesse quesito “morros”.

      Tô muito sedentária 😛

Deixe seu Comentário

    Pingback e Trackback
  1. […] Curiosidade: Nós já falamos de outro relógio atronômico bem peculiar aqui no blog. Você lembra qual foi? Vou dar uma dica: ele fica na cidade tcheca que o Fred achou que parecia muito com Ouro Preto 😛 […]