Depois de visitar a viña Casas del Bosque, era hora de conhecer a Indómita, outro grande nome do Vale de Casablanca, nesta nova etapa da nossa saga pelas vinícolas ao redor de Santiago.

A Viña Indómita

Em meio a tantas opções, ao pesquisar sobre qual delas visitar, uma informação sobre a Indómita me chamou a atenção: ela tinha a melhor vista para o Vale de Casablanca.

Vinícola Indómita Santiago

Somando isso ao fato do chef Tomás Olivera – um dos meus chefs favoritos no Chile – ter assumido recentemente a supervisão do restaurante, eu já tinha motivos de sobra para incluí-la no meu roteiro 😛

Veja também:

Ofertas de hospedagem em Santiago

Ofertas de passagens aéreas para Santiago

Como é a visita a vinícola Indomita?

Diferentemente de outras viñas do Vale de Casablanca, como a Matetic ou até mesmo a Casas del Bosque, a Indómita já tem uma produção voltada para a larga escala e 50% de seus vinhos seguem para abastecer o mercado europeu e supermercados que querem ter seu próprio rótulo, enquanto o restante é consumido aqui na América Latina.

Vinícola Indómita Santiago - Onde são plantadas as uvas

Dos seus mais de 6 milhões de litros produzidos todo ano, boa parte deles são chamados de vinhos jovens, isto é, não passam por barril e vão direto para o envase. Por causa disso, eles não duram mais de 2 ou 3 anos na garrafa (não que você vá guardar o vinho por esse tempo todo, né?). A grande vantagem desse tipo de vinho é que ele apresenta uma boa relação qualidade x preço e são relativamente fáceis de tomar 😛

Vinícola Indómita Santiago - vinhos da primeira safra

No quesito ~polêmico do barril de carvalho francês ou americano, a vinícola opta por trabalhar com os dois, misturando os vinhos que ficam em cada um deles para obter os sabores e aromas desejados.

Vinícola Indómita Santiago - Onde são plantadas as uvas 2

Nesse caso os vinhos passam de três meses a dois anos guardados em uma “bodega gravitacional”, ou seja, uma bodega no subsolo da vinícola que mantém sua temperatura constantemente em torno de 15 graus.

Vinícola Indómita Santiago - degustacao

Em poucos parágrafos, esse é o resumo da visita pela Indómita que termina com uma degustação de quatro rótulos da vinícola 😉

Vinícola Indómita Santiago - Onde são plantadas as uvas 3

O ponto alto do passeio?

Sem dúvida o almoço no restaurante. Eu pedi um risoto com ossobuco e legumes cozidos, o Fred foi de pescado com purê de ervilhas e fechamos com uma degustação de várias sobremesas da carta, tudo muito bem feito e saboroso 🙂

Vinícola Indómita Santiago - restaurante

Vinícola Indómita Santiago - restaurante sobremesas

Sempre usando ingredientes locais, o chef Tomás trás a gastronomia ocidental e mescla com o que há de melhor no Chile: sua terra, sua costa e suas tradições.

Já visitou a Indómita? E outras vinícolas perto de Santiago?

Qual mais lhe agradou? Conta pra nós 🙂

Clique aqui para conferir todas as nossas dicas e roteiros do Chile \o/

Viña Indómita

Passeios:

Tour Premium

Valor: 15.000 CLP / 29 USD / R$ 62

Duração: 45-60 minutos e inclui a degustação de 4 vinhos

Horários: entre 10:30 e 15:30

É necessário fazer reserva.

http://www.indomita.cl

Reservas:

contacto@indomita.cl

sguajardo@indomita.cl

Telefone: +56-32-2153902

Como chegar?

Contratando um tour com uma agencia de receptivo em Santiago

Alugando um carro.

Vinícola Indómita Santiago - parreira nascendo


Ver em um mapa maior

Você também poderá gostar

Se gostou do que viu, assine o blog!


Deixe seu Comentário