Está chegando ao fim (ahhhhhh 🙁 ) nossa super série sobre Praga – minha segunda cidade do coração. Para fechar esse momento com chave de ouro, deixamos aqui um roteiro de viagem passo a passo recheado de dicas do que fazer, onde ficar, onde comer, como se locomover e outros detalhes que descobrimos durante nossas andanças, perfeito para quem quer visitar a capital da República Tcheca 🙂

Praça Venceslau de Praga - Dancing House

Roteiro de quatro dias em Praga

Uma das cidades mais visitadas de Europa, Praga tem, na minha opinião, a maior concentração de pessoas de diferentes países por m2. Basta olhar para o lado para ver 3 – 4 nacionalidades passando por você. É incrível perceber como toda aquela muvuca e confusão acontece de maneira harmoniosa na cidade.

Cenas de Praga - Petrin

A melhor dica que eu posso dar a quem visita Praga é: olhe sempre para todas as direções, pois há muitos prédios, esculturas, restaurantes e coisas legais de se ver espalhados pela cidade. Ah, e lembre-se de levar sapatos confortáveis para poder caminhar o máximo que puder.

Onde ficar em Praga para aproveitar melhor a cidade?

Qual moeda levar para a República Tcheca?

Dia 1 – Chegada, Ponte Carlos, Malá Strana e Petrín

Começando seu dia depois do almoço, por volta das 13h, a dica é ir diretamente à Ponte Carlos, um dos lugares mais legais de Praga, mas não se preocupe em atravessá-la agora se estiver hospedado em Malá Strana (o melhor bairro na minha opinião), pois você certamente fará isso várias vezes durante sua viagem 😀

Ofertas de Hotéis em Praga

Da Ponte Carlos, siga para a Igreja de São Nicolau e suba sua torre para ver Praga do alto pela primeira vez. Daqui, você tem tantas opções do que fazer em Malá Strana que fica até difícil decidir, mas, como o objetivo é ir para o Petrín, vamos seguir para a região à esquerda da Ponte Carlos 😛

Malá Strana Praga - Igreja de São Nicolau 2

Em frente à igreja de São Nicolau começa a rua Karmelitská. Caminhando por ela você passará pelo restaurante U malého Glena, um bom lugar para almoçar à moda tcheca, mas em vez de continuar por ali, vá até a parede do John Lennon (John Lennon Wall). Foi ali que, durante a revolução de veludo, os tcheco-eslováquios deixavam suas palavras de revolta contra o regime comunista da então União Soviética.

Segway tour em Praga - John Lennon Wall 2

Vá em direção ao rio Moldava à procura do Kampa park, um parque bem bonito e um dos lugares que você pode encontrar os bebês do David Cerny. Volte então um pouco e siga em direção contrária ao rio, pois seu objetivo é chegar à rua Karmelitzká novamente para ir até a Igreja de Nossa Senhora Vitoriosa, onde está o famoso Menino Jesus de Praga.

Um roteiro do The Guardian sobre David Cerny

Malá Strana Praga - Estátuas de bebês do David Cerny

Hora de ir ao Petrín, um dos parques mais bonitos de Praga. Siga a Karmelitzká até encontrar as placas indicando o funicular à direita. Compre a passagem na máquina ou na lojinha que fica ali dentro. Suba até o ponto mais alto e passeie sem pressa, pois o parque é lindo e tem até uma mini Torre Eiffel para quem quiser encarar as várias escadas da subida 😉 Esse é outro lugar ótimo para ver a cidade do alto.

Petrin em Praga - Torre de Observação parecida com a Torre Eiffel

Petrin em Praga - Jardim das Rosas (Rose Garden)

Se já for hora de jantar, desça até a primeira parada do funicular e vá ao restaurante Nebozízek, um lugar aconchegante, com uma das mais belas vistas da cidade e uma cozinha a preços justos.

Para terminar o dia, vá até a linda Dancing House na margem oposta do rio Moldava e aproveite a deixa para ir ao bar Potrefená Husa que fica quase em frente à ela. A comida lá é ótima, os preços são bons e a Staropramen é minha cerveja tcheca preferida 😀

Cenas de Praga: porque turistas gotta turistar

Potrefena Husa de Praga - Em frente à Dancing House

Dia 2 – Castelo de Praga e Centro Histórico

Nesse dia, coloque seu calçado mais confortável, pois você irá precisar 😉

Vá bem cedo a Malá Strana, atravesse a Ponte Carlos e siga para a direita até a menor rua do mundo, a Pissing Fountain (também do David Cerny) e o Museu do Franz Kafka.

Malá Strana Praga - Gobling guardião do rio e da roda d'água e dos love lockers

Malá Strana Praga - Museu Frankz Kafka e estátuas de David Cerny

De lá, peque o tram/bondinho 22 no ponto Malostranská (não na estação de metrô) e desça na parada Pražský hrad, bem em frente ao Castelo de Praga. O objetivo é chegar ali entre 9 e 10h para entrar logo que ele abre, pois as excursões costumam chegar próximas do meio dia, quando acontece a troca da guarda do castelo.

Malá Strana Praga - Parque Vojan (Vojanovy sady)

Visite todo o castelo, seus jardins, a Catedral de São Vitu, a Golden Lane e tudo o que puder ver, pois ele tem uma vista deslumbrante da cidade. Aproveite que as áreas externas ficam abertas até a meia noite (23h no inverno) e caminhe sem pressa. Garanto que você terá a impressão de ter voltado alguns séculos no tempo 😉

Castelo de Praga - Basílica de São Jorge

Castelo de Praga - Interior da Catedral de São Vito 2

Depois de visitar o Castelo de Praga, volte a Malá Strana, atravesse a Ponte Carlos em direção ao centro histórico (Stare Mesto / Old Town) e vá até o Relógio Astronômico de Praga que toca a cada hora cheia durante o dia. É ali também que está a Igreja de Nossa Senhora de Týn e uma feirinha gastronômica bem legal para você almoçar e comer o famoso, quase pratzel doce, Trdelnik.

Relógio Astronômico de Praga - Outra da Old Town Hall

Malá Strana Praga - O melhor doce de Praga

Devidamente alimentado, você tem muitas opções de atrações nessa pequena região da cidade como:

  • O bairro Judeu com seu cemitério Judeu e Sinagoga – repare na escada que leva à uma portinha no alto da sinagoga, era de lá que sairia o Golem protetor dos Judeus
  • Torre da Pólvora (Powder Tower)
  • Prefeitura e seu prédio Art Noveau
  • Grand Café Orient – um dos poucos prédios cubistas do mundo
  • Café Ebel – meu café preferido em Praga e cujo cheesecake é o melhor que eu já comi

Um pouquinho mais longe, mas ainda tranquilo de ir a pé, estão o Monumento a São Venceslau – próximo a ele há uma galeria de lojas com outra obra do David Cerny – e o Museu Nacional que ainda está em reforma.

Praça Venceslau de Praga - Estátua do Venceslau 1

Os melhores cafés de Praga - Café Lucerna 2 David Cerny

Passeie sem pressa e sem se preocupar em se perder, pois essa é até uma vantagem em Praga😉 Ah, e não deixe de fazer um plano pré-pago de 3G em Praga, desta forma você poderá usar o Google Maps para se encontrar sempre que preciso.

Para terminar o dia, eu sugiro um jantar no La Republica, um restaurante turístico, também frequentado por locais, e que tem boa comida e cerveja 🙂

O que esperar de uma road trip pela República Tcheca?

Road trip pela República Tcheca - Prédio da Orquestra Sinfônica de Praga

Dia 3 – Museu Militar Soviético, Torre da TV e passeio de Segway

Comece o dia visitando o Parque Vitkov onde está o Museu Militar Soviético e o prédio onde os soviéticos se reuniam em Praga. É lá também que está a maior estátua equestre do mundo em que, só o estribo, é maior que uma pessoa.

De onde ver Praga do alto - Museu Militar 2

De lá, caminhe até a Torre da TV de Praga e note os bebês do David Cerny engatinhando por suas torres. É lá de cima que você terá a visão mais ampla de toda a cidade. Além de um observatório, a torre também tem um restaurante, um bar e o quarto de hotel mais luxuoso de toda a República Tcheca 😉

De onde ver Praga do alto - Torre da TV 3

Volte ao centro da cidade de metrô pela estação Jirího z Podebrad e faça um passeio de Segway \o/ Sobrando tempo, volte à Malá Strana (pertinho da John Lennon Wall tem uma feirinha muito legal nos finais de semana), caminhe pelo centro histórico ou faça alguma coisa que ainda não tenha dado tempo 😉

Segway tour em Praga - Pausa para foto :P

Dia 4 ­- Bate e voltas

Se você puder, faça o bate e volta à Cesky Krumlov, uma das cidades medievais mais charmosas da República Tcheca. Além dela, há muitas outras viagens de um dia ou dois que podem ser feitas a partir de Praga e que valem o passeio como Plzen, Karlov Vary, Bohemian Switzerland e Kutná Hora 🙂

10 Bate e voltas de Praga e um pitstop

Cesky Krumlov UNESCO - Outra curva do rio

Onde ficar em Praga?

O melhor bairro para ficar em Praga é, sem dúvida, Malá Strana, mas ficar no centro histórico (Old Town) também é interessante. No post abaixo eu explico direitinho quais os melhores bairros da cidade:

Onde ficar em Praga para aproveitar melhor a cidade?

The Icon Hotel de Praga: Para quem curte um Hotel Design

Domus Balthasar: um hotel colado na Ponte Carlos em Praga

Ofertas de Hotéis em Praga

The Icon Hotel de Praga - Cabeceira da cama

Domus Balthasar Hotel - Quarto

Onde comer em Praga?

A culinária tcheca em geral é bem parecida à culinária alemã, ou seja, pratos à base de porco são bem comuns e normalmente muito saborosos; o Trdelnik é o doce mais típico do país e pode ser encontrado em quase qualquer esquina e, como não poderia ser diferente, a República Tcheca é um dos melhores países para se tomar cerveja. De fato, ele é o país que mais toma cerveja per capta do mundo 😀

Os melhores cafés de Praga

Petrín: o melhor pôr do sol de Praga

A cultura da cerveja na República Tcheca

Potrefena Husa de Praga - Comida Tcheca

Como se locomover em Praga

Não deixe de ler os textos abaixo sobre como se locomover em Praga, pois eles dão todas as dicas para não passar perrengue 😉

Sem Mistérios: Metrô de Praga -ou- Como usar os bondinhos na cidade

Vale a pena pegar táxi em Praga?

Como ir do aeroporto ao centro de Praga?

Como ir de Praga para Berlim e vice-versa?

Como ir de Munique para Praga?

Como usar o metrô de Praga - Estação Malostranska

Praga combina com que cidade?

Praga é normalmente a porta de entrada para o Leste Europeu e combina com muitas outras cidades, talvez por isso ela seja tão procurada pelos turistas. Deixo aqui então algumas sugestões para incrementar ainda mais sua viagem 🙂

Clique aqui para conferir todas as nossas dicas e roteiros da República Tcheca \o/

Ponte Carlos em Praga - Vista 5

Fred viajou a primeira vez para Praga por conta própria e a segunda a convite do Turismo da República Tcheca.

 

Você também poderá gostar

Se gostou do que viu, assine o blog!


    18 Comentários
  1. É sensacional o conteúdo e a forma que ele é disponibilizado neste blog. Vocês merecem um prêmio, sério.

  2. Adoro ver suas postagens, é um dos 3 sites que quando penso em viajar entro para saber o que acham “daquela cidade”… São minha referência, adoro como escrevem.

    Fiquei curiosa para saber… Qual seria a primeira cidade do coração???

    Bjos,

    • Danielle,

      Preciso te contar uma coisa: rolou uma dancinha da alegria por aqui quando vimos seu comentários 😀

      A primeira cidade do coração é Londres <3

  3. Adorei o blog de vocês! Sério! A foma como vocês escrevem e principalmente o conteúdo! Vou a Praga em outubro com meu namorado e, procurando dicas e informações, encontrei tudo aqui!!! Estou enlouquecida!!! Ainda não consegui ler todos os tópicos então certamente passarei por aqui mais vezes!!!
    Parabéns e muito obrigada!

  4. Boa tarde. Parabéns pelos textos. Obrigada pela ajuda com nossos roteiros, estou indo para Praga em setembro(08-11/09), tem alguma dica especial para esse período? Uma amiga me falou que o Teatro Negro é imperdível, vcs não falaram a respeito. Que acham? alguma idéia?

    • Obrigado Nazaré.

      Infelizmente não tenho nenhuma dica especial para essa época e não conheço o Teatro Negro, mas se estiver funcionando no dia, pode ir, pois eu não lembro de ter feito nada na cidade que não valesse a pena 🙂 (exceção ao café que fica no bondinho desativado em frente ao Hotel Europa na Praça Venceslau. Café ruim e preço caríssimo!)

      Outra coisa, com tanta coisa pra fazer na cidade, procurar algo diferente será sua última preocupação 😛 Tente ver se há alguma feirinha acontecendo em Malá Strana. Como será dia de semana, não sei se terá, mas quem sabe na sexta?

  5. Boa noite! Antes de mais nada, parabéns pelo blog! Já li vários roteiros de vocês e me inspirei pra criar os roteiros das minhas viagens. Mas, quero parabenizar principalmente s Série sobre Praga que me fez incluir essa cidade incrível numa viagem que fiz ao sul da Alemanha. Obrigada por terem contado tudo de um jeitinho tão agradável, com fotos lindas e por informar tudo e mais um pouco que era preciso saber, desde a chegada, o hotel, a locomoção e a saída da cidade. Continuem assim, o blog é de utilidade pública! Um grande beijo! Deixo aqui como parte do agradecimento um link do post que fiz em meu blog sobre meus agradáveis dias em Praga: https://viajenomake.wordpress.com/2015/09/14/praga-uma-mistura-de-cultura-com-agitacao/

  6. Também gostei muito dos relatos!
    Tá lá na observação do meu plano de viagem “o mais completo e interessante dos roteiros”.
    Eu e uma prima iremos dar uma voltinha por lá em março de 2016!

  7. Fred,
    Saberia me dizer se final de maio é um bom mês para visitar Praga?

    • É uma boa época sim, Gustavo 🙂 Se não me engano, Junho é uma época que tende a ter menos gente na cidade, pq todos fogem para outros países, inclusive os moradores 😛

  8. Acabo de conhecer o site de vocês e estou completamente apaixonada ! Roteiros fantásticos ! Já virou meu lugar número um de pesquisar sobre viagens ! Estou indo para o Leste Europeu dia 15 agora de janeiro e queria tirar algumas dúvidas. Por ser inverno e o dia ”acabar” mais cedo, acha que consigo permanecer com essa programação diária ou seria necessário mais dias para faze-lo ? Ficarei la por 4 dias inteiros e mais um dia a partir das 11hs. Sendo que em um desses dias queria apostar neste bate volta.

    Grata pela ajuda, parabéns mesmo!

    • Oi, Mariana!

      Poxa vida, que mensagem legal! Que bom que gostou do blog 😀 desculpa a demora, tomara que ainda dê tempo de te ajudar.

      Eu acho que dependendo do seu ritmo de caminhada e quanto tempo ficar em cada atração, mesmo com o dia escurecendo mais cedo é possível mantar esse roteiro 😉 Se proteja bem do frio e aí é só alegria 🙂

  9. Adorei a reportagem , já fui â Praga 2 vezes e uma das mais belas capitais da Europa.

Deixe seu Comentário