atualizado em:

O paraíso é persa

Mesmo que você seja fã dos iranianos, nunca deve ter feito alguma relação entre os persas e o paraíso, certo? […]

por Gabe Britto outros artigos do autor
atualizado em:

Mesmo que você seja fã dos iranianos, nunca deve ter feito alguma relação entre os persas e o paraíso, certo?

dynamosquito (CC BY-SA 2.0)

Então vai passar a fazer a partir de agora, quando souber de onde vem a palavra que deu nome à antiga morada de Adão e Eva.

Sim, “paraíso” vem do persa. Mais precisamente do avéstico, que faz parte de um grupo chamado de línguas iranianas antigas.

A palavra original para “paraíso” é “pairidaeza” e o significado não tem nada a ver com 72 virgens esperando por mártires no céu.

Sebastià Giralt (CC BY-NC-SA 2.0)

“Pairidaeza” significa “murado” e a palavra era usada para se referir aos jardins persas, aqueles jardins lindões, com arquitetura e paisagismo simétricos e, claro, muros ao seu redor. O mais famoso deles provavelmente é o Taj Mahal, na Índia.

archer10 (Dennis) (CC BY-SA 2.0)
Arad Mojtahedi (CC BY-SA 3.0)
anjan58 (CC BY-NC-ND 2.0)
dynamosquito (CC BY-SA 2.0)

Do persa antigo, “pairidaeza” virou “paradeisos” (grego), “paradisus” (latim) e daí seguiu para todos os cantos do mundo.

Apesar de toda essa história, hoje a palavra “pairidaeza” não tem mais nenhum significado em persa e nem é mais usada, já que a língua avéstica foi extinta. No lugar dela, os iranianos usam o بهشت.

Cuidado aí para não errar a pronúncia.

Assine nossa newsletter!

Comentários