Logo que comecei minha pesquisa sobre Chicago vi um comentário no Viaje na Viagem sugerindo um tipo de tour alternativo, o Chicago Greeter. Logo de cara me pareceu um pouco estranho, mas depois de pensar com calma, vi que esse passeio poderia ser uma experiência pra lá de interessante.

Chicago Greeter: um walking tour personalizado

O leitor falou sobre um walking tour gratuito chamado Chicago Greeter organizado pela Secretaria de Turismo da cidade de Chicago. A proposta do passeio se resume em apresentar a cidade para o visitante através do olhar de um local, já que os guias são os próprios moradores da cidade que se voluntariam para mostrar aqueles detalhes que mais lhe agradam.

Detalhe Chicago

Assim, baseado nos assuntos escolhidos pelos turistas – como arte, arquitetura, cultura, design, blues, gangster, dentre outros -, um Greeter diferente é escolhido.

Fala a verdade… como brasileiro bem desconfiado, no fundo, no fundo, você não ficaria com um pouco de receio de encontrar alguém estranho sem ao menos ter qualquer tipo de referência sobre a pessoa? Pois é, isso também passou pela minha cabeça, mas resolvi encarar.

Detalhes do Chicago Greeter

(Foto gentilmente tirada por Greg Thiemeyer)

Como participar do Chicago Greeter

Para participar do Chicago Greeter, basta preencher o cadastro no site e escolher seus assuntos de interesse. Um email lhe será enviado dizendo que eles estão escolhendo o Greeter que estará disponível no dia que você escolheu e que combine melhor com seus interesses. Poucos dias antes da data escolhida, um email de confirmação com o nome do Greeter e o ponto de encontro será enviado.

detalhes de Chicago

Pra galera das mídias sociais :P Direto da secretaria de turismo de Chicago (Foto gentilmente tirada por Greg Thiemeyer)

E o mais legal? O tour é apenas você e o guia. Nada de grupões em que você quase não consegue entender o que o guia está falando :D

No nosso caso, recebemos um email simpático dizendo: “Hello, my name is Mimi and I’m your Greeter”. Todos os detalhes do nosso encontro foram combinados por email e definimos que nosso tour seria baseado em arquitetura. Rapidinho aquela sensação desconfiança foi passando e ficamos bem animados com a ideia de encontrar com uma moradora que ia nos apresentar Chicago pelo seu ponto de vista.

Chicago Greeter

Olha só nós dois e a Mimi, nossa Greeter – uma gracinha :D (Foto gentilmente tirada por Greg Thiemeyer)

Que simpatia! Não poderia ter encontrado uma Greeter melhor.

Ela era uma professora de música aposentada super apaixonada pela cidade e seu maior objetivo ali, além de nos mostrar detalhes históricos importantes sobre Chicago, era fazer com que saíssemos do tour tão apaixonados  pelos encantos da cidade quanto ela.

Chicago Greeter

(Foto gentilmente tirada por Greg Thiemeyer)

Posso afirmar que sua estratégia deu super certo, e esse tour foi um dos passeios mais dinâmicos e enriquecedores que fizemos nessa viagem aos EUA. Foram três horas caminhando e conversando sobre detalhes que passariam despercebidos a “olho nu”. Todas as explicações eram muito agradáveis e didáticas e não eram mecânicas como um guia normal que passa seu dia repetindo o mesmo script.

Detalhes Chicago

(Foto gentilmente tirada por Greg Thiemeyer)

Taí um passeio para você colocar no topo da sua lista quando for para Chicago. Vá sem medo e aproveite cada minuto ali para perguntar, questionar e observar cada detalhe da cidade.

Detalhe Chicago

O projeto é muito bem estruturado como mostra o site oficial e os reviews no Trip Advisor. Além de tudo, o tour é gratuito e eles até deixam claro que não é para oferecer nenhum tipo de gorjeta ao final do passeio.

Como me empolguei contando os primeiros detalhes do tour vou deixar as surpresas que a Mimi nos aprontou para o próximo post. Stay tuned :P

Macys Chicago

Até em Chicago (Foto gentilmente tirada por Greg Thiemeyer)

Clique aqui para conferir todas as nossas dicas e roteiros de Chicago \o/

Se gostou do que viu, assine o blog!


    28 Comentários
  1. Olá,
    Estou adorando as suas dicas!!!
    Obrigada,
    Luiza

  2. 1 2
Deixe seu Comentário

    Pingback e Trackback
  1. [...] atrativo. Eu não tive a oportunidade de fazer esse tour para conferir, mas se for parecido com o tour guiado do Chicago Greeter que fizemos, valerá muito a pena, pois Munique tem muita história pra [...]

  2. [...] Andy’s Jazz Club (dica da Mimi, nossa guia do Chicago Greeter) [...]

  3. [...] Para ver como agendar o passeio com o Chicago Greeter, entre neste post [...]

  4. […] a dica no blog Sunday Cook (clique aqui) e logo já entrei no site para fazer o cadastro. Há uma lista de preferência de temas e em qual […]