Agora que você já sabe como sair do aeroporto de Schiphol e ir para o centro da cidade, é hora de aprender sobre o transporte em Amsterdam 🙂 Todos sabemos que a bicicleta é um meio de transporte muito popular em toda Holanda, mas nem todo mundo quer pedalar durante a viagem, não é? Então, qual é a melhor maneira de se locomover pela cidade?

Aqui você encontrará tudo o que precisa saber sobre o transporte público em Amsterdam e, de quebra, deixo algumas dicas sobre como usar as bikes e como evitar as famosas pegadinhas 😛

Transporte em Amsterdam - 04

O transporte público em Amsterdam

A cidade de Amsterdam disponibiliza diversos meios de transporte para seus moradores e visitantes como bicicleta, metrô, ônibus, tram/bonde e até ferry/barco. Todos eles, com exceção das bikes e de alguns ônibus, são gerenciados pela GVB, a empresa de transporte público da cidade, facilitando muito nossa vida já que o passe é integrado 😀

Transporte em Amsterdam - 07

Ofertas de hotéis em Amsterdam

The Student Hotel em Amsterdam

CityHub: um hotel-cápsula em Amsterdam

CitizenM Amsterdam: um hotel design-econômico

Tram / Bonde

Os trams são definitivamente o melhor meio de transporte de Amsterdam. Fáceis de usar, eles te levam para praticamente qualquer lugar na cidade em poucos minutos.

Ao sair da estação Amsterdam Centraal, já avistamos os pontos de nove linhas diferentes: 1, 2, 5, 13 e 17 à direita da saída e 4, 9, 16 e 26 à esquerda. Ou seja, para onde quer que você vá, provavelmente uma dessas linhas te levará 🙂

Os bondes que nós mais pegamos foram as linhas 5 e 12, pois ambas passam próximas das principais atrações como o Reijksmuseum, o Stedelijk Museum e o Museu do Van Gogh, além da Casa da Anne Frank. Segundo a National Geographic, a linha 2 é considerada uma das mais bonitas do mundo, ótima para quem não está com pressa e quer curtir um pouco a vista 🙂

Como usar o Tram em Amsterdam?

Os trams funcionam quase como um metrô de superfície. Você vai até o ponto, olha a plaquinha eletrônica ou os horários que estão afixados e procura pelo sentido/direção que pretende ir. Quando ele estiver chegando, não é preciso fazer sinal para parar 😛

Ao entrar, você deve fazer uma espécie de check-in ao encostar seu passe nas maquininhas que ficam próximas às portas. Na hora da saída, não esqueça de fazer o check-out antes de descer, encostando seu bilhete novamente no totem, para não correr o risco de ter seu ticket invalidado.

Transporte em Amsterdam - 06

Detalhes e pegadinhas

As próximas paradas são sempre anunciadas pelo sistema de som ou podem ser vistas nos visores espalhados pelos vagões.

Em Amsterdam, os trams têm algumas portas exclusivas para entrada e outras exclusivas para saída. A porta da frente, próxima ao condutor, e a última porta dupla geralmente podem ser usadas para entrada, enquanto as outras são apenas para saída e têm uma espécie de barreira e adesivos colados para te lembrar disso. Caso a porta não abra automaticamente, basta apertar o botão que fica nela ou ao seu lado para abri-la.

Se você não estiver com seu passe ou se ele estiver invalidado, não há problemas. Todos eles têm cobradores na porta dupla de entrada para esses casos.

Um último detalhe: alguns têm escadas em determinadas portas, o que pode dificultar quem está com malas ou tem mobilidade reduzida. A boa notícia é que, mesmo nessas linhas, sempre há portas sem degraus, pois acessibilidade é uma preocupação grande na Holanda 🙂

Transporte em Amsterdam - 17

Ônibus

Para regiões fora do centro turístico de Amsterdam, usar o ônibus também é uma boa opção.

Como usar o ônibus em Amsterdam?

Não há segredos. Estando no ponto, dê sinal para o motorista parar, pois eles não param em todos os pontos como os trams. Nós fizemos questão de testar essa teoria e deixamos o ônibus passar direto de propósito, claro. Mentira, ficamos olhando pro celular e não vimos que ele estava chegando :mrgreen:

A entrada é pela porta da frente e encostar seu passe na máquina ao lado do motorista e seguir para seu lugar. Se estiver sem o passe, você pode comprá-lo na hora. Para descer, basta apertar o botão e, para saber qual a próxima parada, é só buscar pela sinalização dos monitores dentro do ônibus.

Transporte em Amsterdam - 16

Detalhes e pegadinhas

Existem várias empresas circulando na cidade, mas somente os ônibus da GVB (ônibus branco com detalhes em azul) aceitam os passes de transporte público de Amsterdam. Os outros funcionam como intermunicipais e têm cores diferentes. Nós usamos o da R.Net (vermelho e cinza) para ir até Zaanse Schaans.

Transporte em Amsterdam - 14

Metrô

Apesar de ser bem fácil de entender, o metrô de Amsterdam é mais útil quando se está fora do centro histórico. Usamos essa modalidade quando estávamos hospedados no The Student Hotel, pois havia uma estação em frente a ele. Essa também é a melhor opção para quem quer visitar o estádio do Ajax, seja para ver um jogo, seja para ir a um show 🙂

Antes de descer para as plataformas, lembre de encostar seu passe nas máquinas para abrir a catraca e de fazer o mesmo processo ao sair. Não há muito como errar, já que sem isso você não consegue chegar até a plataforma 😛

Olhe o mapa da linha escolhida para saber em qual plataforma o trem vai parar e pronto. Também há uma espécie de monitor indicando os trens, seus sentidos e horários.

Transporte em Amsterdam - 13

Detalhes e pegadinhas

Se a porta não abrir automaticamente, basta apertar o botão que se encontra nela ou ao seu lado 🙂

Bicicleta

As bicicletas em Amsterdam são o meio de transporte favorito dos moradores e de alguns turistas que querem sentir a vibe da cidade 😀

Entretanto, mesmo como pedestre, senti falta de uma espécie de “aula” sobre como se comportar tanto na ciclovia quanto próximo a ela. Bike é papo sério e muitas vezes elas têm preferência até sobre os pedestres o.O

Transporte em Amsterdam - 12

Como se portar com ou sem bicicleta em Amsterdam?

  • Se estiver a pé, não ande na ciclovia. Em. Hipótese. Alguma.
  • Sempre olhe para os dois lados ao cruzar ciclovias.
  • Não se assuste com motos e carros (sim!) nas ciclovias, aparentemente os pequenos são permitidos.
  • Se acontecer de uma bicicleta vir na sua direção, não tente trocar de caminho, basta continuar andando do mesmo jeito que eles desviarão (mas por que mesmo você está no caminho de uma bicicleta? 😛)
  • De bicicleta, não fique cruzando de faixa em faixa e não ocupe todas elas caso esteja com outras pessoas.
  • Não ande de bicicleta fora da ciclovia, você pode ser multado.
  • Amsterdam tem muitas interseções de bicicletas e carros, por isso sempre sinalize com o braço para onde você irá quando fizer uma curva.

Transporte em Amsterdam - 10

Ferries / Barcos

Todos os ferries dentro de Amsterdam são grátis, basta entrar no barco e pronto 🙂 Para nós turistas, o ferry que interessa sai da estação Amsterdam Centraal e vai até o Eye Film Institute e o ADAM, a nova torre de observação, lounge, bar e restaurante de Amsterdam Norte/Noord (futuramente também casa do mais novo Sir Albert hotel).

Transporte em Amsterdam - 06

Também é possível ir de ferry para a região chamada NDSM-Terrein, que está sendo preparada para ser o novo point hipster de Amsterdam. Talvez valha a pena ir até lá apenas pelo passeio de barco de graça (tem muito prédio interessante no caminho).

Transporte em Amsterdam - 08

Detalhes e pegadinhas

Cuidado com o ferry que vai pegar, pois nós acabamos pegando um errado que nos levou, não ao Eye Film Institute, mas ao porto Houthavenveer. Aquele que você quer é o que sai da Amsterdam Centraal e segue diretamente em frente até o porto de Buiksloterweg.

Por falar nisso, pegar o ferry errado já é tradição aqui no Sundaycooks 😛

Horários do transporte em Amsterdam

Os trams, ônibus e metrôs funcionam, no geral, entre 5:30 e 0:30h. Depois desse período existem os night buses que são linhas de ônibus específicas para aqueles que querem ficar até tarde na balada 😉 Note que essas linhas não são exatamente as mesmas de suas versões diurnas, então é importante se informar sobre a mais próxima do seu caminho com antecedência.

Transporte em Amsterdam - 09

Qual passe de transporte comprar em Amsterdam?

Essa é a grande dúvida da maioria das pessoas, mas em Amsterdam essa equação é simples de resolver 🙂

Como andar de tram é muito tranquilo e útil até quando as distâncias são curtas, ter um passe de 24 horas ou mais é ideal. A grande questão, então, recai sobre qual deles usar, já que existem três possibilidades: o passe da GVB, o Amsterdam Travel Ticket e o I Amsterdam City Card (que ganhará um post específico em breve).

Transporte em Amsterdam - 11

Todos eles funcionam da mesma forma como explicado acima e valem pelo número de horas indicado (24, 48, 72 ou 96 horas) a partir do primeiro uso e não têm limite de viagens. Eles valem inclusive nos ônibus noturnos, cujas linhas começam com N. Por exemplo, se você comprou o passe de 48h e entrou no tram às 13:30 do dia 10, pode usá-lo quantas vezes quiser até o dia as 13:29 do dia 12 🙂

Diferença entre os tipos de passe

O passe da GVB serve apenas para o transporte em Amsterdam, com exceção dos trens e ônibus intermunicipais. Existe opções de 24 a 168 horas (1 a 7 dias).

Já o Amsterdam Travel Ticket – que também é da GVB -, além do transporte na cidade, ele também permite que você utilize trens e ônibus (197 e N97) para ir e voltar do aeroporto de Schiphol quantas vezes quiser durante o período de validade do passe. Para termos de comparação, uma passagem de ida ou volta para o aeroporto custa 4,20 euros cada.

Transporte em Amsterdam - 02

Por fim, o I Amsterdam City Card também permite que seu portador use o transporte público quantas vezes quiser (mas nada de trem), além de incluir entradas grátis e descontos em diversas atrações. É por isso que seu valor é bem maior que os outros.

Transporte em Amsterdam - 01

Valores do transporte público em Amsterdam:

  • 24h
    • GVB = 7,50 euros
    • Amsterdam Travel Ticket = 15 euros
    • I Amsterdam Card = 55 euros
  • 48h
    • GVB = 12,50 euros
    • Amsterdam Travel Ticket = 20 euros
    • I Amsterdam Card = 65 euros
  • 72h
    • GVB = 17 euros
    • Amsterdam Travel Ticket = 25 euros
    • I Amsterdam Card = 75 euros
  • 96h
    • GVB = 21,50 euros
    • Amsterdam Travel Ticket = não existe essa opção
    • I Amsterdam Card = 85 euros

Valores atualizados 14/07/2016.

Qual passe é melhor para mim?

Depende. Se você só quer o transporte e vai chegar e sair de Amsterdam pelo aeroporto, o Amsterdam Travel Ticket é mais interessante, mas se não for incluir ambas as pernas de ou para o aeroporto, é melhor ficar com os passes de 24, 48 ou mais horas da GVB mesmo.

O I Amsterdam City Card é mais interessante para quem vai visitar as atrações inclusas no cartão.

Transporte em Amsterdam - 15

Onde comprar os passes de transporte em Amsterdam?

Os passes de tram, ônibus e metrô da GVB podem ser comprados nas maquininhas azul e cinza como essa abaixo. Elas ficam localizadas nas estações de metrô e em algumas paradas do tram.

O Amsterdam Travel Ticket pode ser comprado em alguns lugares, mas o melhor lugar é no quiosque na estação de trem do aeroporto de Schiphol, próximo ao ponto de encontro (um local com quadrados branco e vermelho) e de uma das entradas dos trens.

O I Amsterdam City Card também é vendido em vários lugares, mas os melhores são suas próprias lojas, que também têm uns souvenires muito bonitinhos. Existe uma no aeroporto de Schiphol e outra na estação Amsterdam Centraal no lado da saída para os ferries.

Transporte em Amsterdam - 03

Como ir de um lugar a outro em Amsterdam e na Holanda?

Existe um site chamado 9292 e sua app são ótimos e ajudam bastante na hora de descobrir qual o melhor trajeto entre um local e outro dentro de Amsterdam e da Holanda. Outra maneira que funcionou muito bem foi usar o Google Maps para fazer o trajeto com transporte público. Ambos, infelizmente, precisam dependem de internet.

Transporte em Amsterdam - 12

O Sundaycooks contou com o apoio da Holland Alliance e do I Amsterdam, mas as despesas mencionadas neste post foram custeadas pelo blog.

Você também poderá gostar

Se gostou do que viu, assine o blog!


    4 Comentários
  1. Top! Foi bem isso que presenciei qnd fui , ficou completo e direto, talvez faltou as frases de impacto para falar com motoristas e afins, tipo do post sobre transporte em Lima rs… Obrigado casal!

  2. O bilhete do Tram é o mesmo que se compra na máquina amarela pra ir ao centro?

    • O bilhete é parecido, Amoni, mas não é o mesmo, pois as máquinas amarelas são do trem. Você precisa procurar pelas máquinas da GVB como mostro na penúltima figura. Ali também tem uma explicação de como comprar 😉

Deixe seu Comentário