atualizado em:

Corumbá: o coração do pantanal sul-matogrossense

Corumbá ocupa cerca de 60% do território do pantanal sul e está localizada à beira do rio Paraguai na fronteira […]

por Natalie Soares outros artigos do autor
atualizado em:

Corumbá ocupa cerca de 60% do território do pantanal sul e está localizada à beira do rio Paraguai na fronteira com a Bolívia. Quem escolhe a cidade como destino das férias tem outras opções de passeios e atividades além do turismo de pesca e do ecoturismo.Pantanal Corumbá - 6

Atrações de Corumbá

O centro histórico de Corumbá é tombado pelo IPHAN como patrimônio brasileiro e muitos prédios passaram por processos recentes de restauração, formando um conjunto arquitetônico bem bonito. O exemplo disso é o Porto Geral de Corumbá e seus casarios, lugares perfeitos para caminhar no final da tarde.

Pantanal Corumbá - 13

Pantanal Corumbá - 3

Ali perto, fica a Estação Natureza Pantanal, mantida pela fundação do grupo O Boticário, para explicar, de maneira lúdica, a geografia da região pantaneira (ingresso: 3 reais). Nos próximos anos ainda deve ser inaugurado o Memorial do Homem Pantaneiro ao lado da estação.

Pantanal Corumbá - 12

Pantanal Corumbá - 11

Outro programa interessante no Porto de Corumbá é o Museu de História do Pantanal que, como o próprio nome sugere, conta a história da região desde os tempos mais remotos até as expedições do Marechal Rondon.

Pantanal Corumbá - 21

Outros cartões postais da cidade, a Praça da Matriz de Nossa Senhora da Candelária, onde aconteceu a retomada durante a guerra do Paraguai, será restaurada em breve, bem como o Jardim do Alemão / Praça da Independência.

ABC do Pantanal para não iniciados 😉

Pantanal Corumbá - 15

Cultura fronteiriça

Como Corumbá tem uma relação muito próxima e forte com a Bolívia, quem passa um dia na cidade sempre acaba estendendo seu passeio até o país vizinho. O roteiro começa em Puerto Suárez para avistar o chaco boliviano, de onde é possível seguir viagem até as Missões, passando por cidades como Santiago de Chiuito, San José e San Javier. É desse ponto que também parte o famoso “trem da morte” que percorre diversas cidades/vilarejos bolivianos.

Pantanal Corumbá - 9

Além de conhecer Puerto Suárez e seu mirante, a cidade se tornou um centro comercial importante para a região, por isso, para complementar o passeio, não volte para Corumbá antes de provar uma salteña e uma Huari e uma Paceña, as grandes cervejas bolivianas 😛

Pantanal Corumbá - 10

Onde ficar em Corumbá?

A estrutura hoteleira na cidade é bem simples e os melhores hotéis da cidade parecem ser o Nacional Palace Hotel e o Santa Mônica Palace Hotel.

Ofertas de hotéis em Corumbá

Pantanal Corumbá - 7

Como se locomover por Corumbá?

O centrinho de Corumbá pode ser conhecido facilmente apenas caminhando, por isso o transporte só será necessário para os passeios pela região ou se você se hospedar longe do centro.

Pantanal Corumbá - 14

A locomoção é resolvida basicamente de duas maneiras: contratando todos os passeios e traslados com um receptivo local (ou diretamente com seu hotel) ou alugando um carro no aeroporto, mas aqui é preciso prestar atenção a um detalhe importante: para percorrer as estradas de terra como a Estrada Parque é melhor usar um off-road ou 4×4, pois um carro menos preparado pode ficar pelo caminho.

Ofertas para aluguel de carro

Pantanal Corumbá - 16

Calendário de eventos

Corumbá é conhecida por sediar vários eventos ao longo do ano.

O carnaval, considerado o maior do centro-oeste brasileiro, costuma animar bastante a região atraindo viajantes de todo o estado.

Pantanal Corumbá - 19

Pantanal Corumbá - 18

A festa de São João, que aconteceu dia 23 de junho, representa mais de 130 anos de sincretismos e tradição popular. O ponto alto da celebração acontece quando os fiéis levam o santo e seu andor para tomar banho no rio Paraguai. Dizem que passar em baixo do andor é a simpatia perfeita para quem quer casar 😛

Pantanal Corumbá - 2

Dia 13 de junho sempre acontece a cerimonia que reencena a retomada de Corumbá durante a guerra do Paraguai numa parceria entre o exército e a secretaria de cultura.

Pantanal Corumbá - 4

A festa de Nossa Senhora do Carmo acontece todo 16 de julho no Forte Coimbra e celebra o fato curioso que diz que, durante a guerra do Paraguai, quando os brasileiros não tinham mais munição, os combatentes colocaram a faixa de comandante do forte na santa na esperança de que, devido à religiosidade paraguaia, uma trégua aconteceria. Graças a ela, as forças brasileiras puderam se retirar em segurança antes da continuidade do ataque.

Pantanal Corumbá - 17

De 20 a 23 de agosto deste ano acontece o Festival América do Sul, um importante encontro para a região de fronteira que fala sobre arte, música e gastronomia 🙂

Pantanal Corumbá - 20

Cozinha pantaneira: os sabores regionais de Corumbá

Entre peixes de água doce, tradições bolivianas e costumes boiadeiros, a comida típica de Corumbá mescla todos esses elementos com um toque bem pantaneiro. Aqui vão algumas dicas de pratos para provar durante a sua viagem pelo Pantanal:

  • Caldo de piranha: ensopado batido com temperos e carne de piranha
  • Churrasco pantaneiro: formado basicamente por carnes, peixe e mandioca
  • Pico a la macho: prato típico boliviano feito com filé frito, linguiça, cebola, azeitona, queijo e batata frita
  • Macarrão de boiadeiro: uma porção de macarrão frito acompanhado de carne seca
  • Paçoca de carne seca: farinha, manteiga e carne seca
  • Sopa paraguaia: bolo de fubá com queijo e cebola, herança da guerra do Paraguai e consumido essencialmente no café da manhã e no chá da tarde durante a semana santa.
  • Chipa paraguaia: um tipo de pão de queijo
  • Saltenha boliviana: empanada de carne ou frango com massa levemente doce de urucum
  • Tererê: mate/chimarrão servido com água bem gelada
  • Pacu recheado com banana da terra frita
  • Arroz de carreteiro

Pantanal Corumbá - 8

Você pode encontrar várias dessas iguarias pantaneiras em qualquer dos restaurantes da cidade como o self-service Laço do Ouro, o Rodeio, a Marina Gelson e o no Avalom Grill. O pastel da simpática Dona Jo na feira no domingo de manhã também é um programa bem saboroso.

Pantanal Corumbá - 1

Para conhecer mais sobre o Pantanal de Corumbá, confira o primeiro post desta série 🙂

Pantanal Corumbá - 5

O Sundaycooks viajou a convite da Secretaria de Turismo de Corumbá.

Assine nossa newsletter!

Comentários