Foi-se o tempo que comer em Santiago era uma pechincha. O custo de vida na cidade subiu e nossa moeda se desvalorizou nos últimos anos, mas essa história a gente já está careca de saber. Então vem a pergunta: onde comer em Santiago?

Onde comer em Santiago - White Rabbit 3

Onde comer em Santiago?

Mesmo com todas essas mudanças, ainda é possível comer bem e provar alguns dos melhores vinhos dos nossos vizinhos chilenos. Na capital, por exemplo, encontramos cozinhas das principais escolas gastronômicas do mundo, mas é inegável a influência da gastronomia peruana entre alguns dos principais restaurantes da cidade. Muitos críticos dizem que Santiago, assim como La Paz e Bogotá, irão roubar o título de capital gastronômica da América Latina de cidades já famosas nesse quesito como Lima e São Paulo.

Alguns chefs chilenos já figuram na lista dos melhores restaurantes da América Latina, promovida pela revista Restaurant, como o Ambrosía, cuja reserva eu perdi porque o site apontava para o endereço errado, o Osaka (falo um pouco mais sobre ele abaixo), o 99, novo e queridinho do NY Times, e o já consagrado e estrelado, Boragó.

Os melhores restaurantes de Santiago

Nesta lista, você encontra diversos pitacos gastronômicos em Santiago: desde cozinhas fusion peruana, até PFs clássicos e bares, passando por restaurantes que são a cara do Chile. Todas as dicas aqui foram testadas, sendo algumas aprovadas e outras nem tanto. Infelizmente, falar de valores é algo que muda muito rápido, por isso indico se são acessíveis ou se valem o investimento 😉

Onde ficar em Santiago e os melhores bairros para se hospedar

Bellavista

White Rabit

No bairro Bellavista, fica o White Rabbit, um misto de pub com bistrô, ou gastropub como alguns preferem o chamar. Ele é perfeito para quem quer comer bem e gosta de compartilhar os pratos. A carta de drinks é à base de pisco chileno, por supuesto, e especiarias.

Onde comer em Santiago - White Rabbit 1

Se jogue nos aperitivos como costelinhas agridoces, torta de caranguejos, peixe frito da costa e salmão defumado. O brunch servido aos finais de semana também pode ser uma ótima opção. Aqui vale tanto para o almoço quanto o jantar e, apesar de minha experiência ter sido breve por conta do feriado de Fiestas Pátrias, foi uma das melhores refeições da viagem.

  • Endereço: Antonia Lopez de Bello 0118, Belavista – metrô Baquedano
  • Contato: info@thewhiterabbitstgo.com
  • Horários:
    • almoço de segunda a sexta: das 12h às 16
    • jantar de segunda a sábado: das 19h às 1h
    • brunch aos sábados e domingos: das 12h às 16h
  • Preço: Vale o investimento

Onde comer em Santiago - White Rabbit 2

Galindo

A caminho do funicular do cerro San Cristobal e nas imediações do shopping Pátio Bellavista, a maioria dos restaurantes me pareceram caros e pega-turista, mas, entre a rua Constitución e a Dardignac, vi vários chilenos entrando num pequeno restaurante com cara da Mooca e resolvi arriscar e bingo!

Onde comer em Santiago - Galindo

O Galindo é aquele restaurante simples que oferece pratos executivos com gostinho de comida caseira e está nesse endereço desde 1968. Provei o prato executivo numa versão bife a cavalo bom, bonito, barato e tão grande que valia por dois (com direito a saladinha e pãozinho) 😀

  • Endereço: esquina da rua Constitución com a Dardignac, perto do shopping Pátio Bellavista
  • Contato: reservas@galindo.cl
  • Preço: Super acessível

Peumayen Ancestral Food

O chef argentino Juan Manuel Pena trouxe um conceito para a cozinha do seu restaurante que está muito em voga nos principais redutos gastronômicos: a volta às raízes das nossas cozinhas.

Denominado “comida ancestral”, o Peumayen faz uma justa homenagem às origens e tradições dos ingredientes chilenos, passeando dos temperos de Chiloé, até as batatas com coentro típicas dos mapuches, dos pães sem trigo dos Rapa Nui até a famosa quinoa e batatas com ervas mentoladas.

Onde comer em Santiago - Peumayen 1

Eu gosto muito da ideia do menu e do ambiente bem intimista do restaurante, mas a única memória que ficou desse jantar foi o sabor excessivamente terroso dos pratos 🙁

  • Endereço: Calle Constitución 136, Bellavista – metrô Baquedano
  • Contato: contacto@peumayenchile.cl
  • Horários:
    • Terça-feira à sábado: das 19h às 24h.
    • Domingo: das 13h às 16h
  • Preço: Não vale o investimento

Onde comer em Santiago - peumayen 2

Las Condes

Osaka

Para um jantar especial, o Osaka continua sendo um dos meus endereços favoritos em Santiago.

Onde comer em Santiago - Osaka 1

O restaurante é conhecido por apresentar um delicado menu fushion entre a cozinha peruana e a japonesa. Localizado no badalado Hotel W em Las Condes, um dos bairros mais modernos da cidade, e oferece o pacote completo: pratos bem executados, drinks diferentes, ambiente elegante e bairro agradável.

  • Endereço: Isidora Goyenechea 3000 – metro El Golf
  • Contato: osakasantiago@gmail.com
  • Funcionamento:
    • de segunda a domingo: das 12:30 às 15:30 e das 19:30 às 23:30
  • Preço: Vale o investimento 🙂

Onde comer em Santiago - Osaka 2

Coquinaria

Um misto de empório com restaurante, a Coquinaria também fica no conjunto do Hotel W, mas o acesso é feito pela parte de fora do prédio, perto da saída do metrô El Golf. O restaurante é um pequeno paraíso para quem gosta de comprar todo tipo de temperos, azeites, vinhos ou produtos típicos do Chile. Você consegue comprar uma lembrança para sua cozinha e ainda pode jantar ou almoçar no próprio restaurante.

Onde comer em Santiago - coquinaria 1

Com peixes da costa chilena e itens frescos, o cardápio é bem leve e vai desde lanches e saladas a massas feitas na própria casa.

  • Endereço: Isidora Goyenechea 3000 – metro El Golf
  • Contato: reservas.alonso@coquinaria.cl
  • Horários:
    • segunda à sexta: das 8:30 às 23h
    • sábados, domingos e feriados: das 9:30 às 23h
  • Preço: Vale o investimento

Onde comer em Santiago - coquinaria 2

Tanta

Eu prometi para mim mesma que passaria distante de restaurantes peruanos nessa viagem a Santiago, principalmente dos mais conhecidos, mas falhei miseravelmente e não consegui resistir ao Tanta, aquela rede de restaurantes peruanos do chef-celebridade Gastón Acúrio. Sempre uma escolha certeira para quem quer ter um jantar agradável, comer uma comfort food peruana sem gastar muito.

A casa fica no lindo shopping Parque Arauco que também possui um bocado de boas opções de lugares para comer, principalmente para quem viaja com crianças e não consegue fugir de cadeias como Hard Rock, Ruby Tuesday e Tony Roma’s.

  • Endereço: Av. Kennedy 9001, Local 3240, Alto Las Condes, Shopping Parque Arauco
  • Contato: chantal@tanta.cl
  • Horário: O mesmo do shopping: até 22h
  • Preço: Acessível

Vitacura

Mestizo

Quase no final do Parque Bicentenário, em Vitacura, fica o restaurante Mestizo, considerado por muitos como um dos mais bonitos de Santiago. O menu trabalha com alguns clássicos da cozinha internacional, como risotos, guisados e salmão, e na carta de sobremesas seguem a dobradinha básica de petit gateau com sorbet de frutas vermelhas e suspiro limenho. Infelizmente o serviço e nosso almoço deixou bastante a desejar 🙁

Onde comer em Santiago - Mestizo

A vista para o parque é realmente extraordinária, e é o ponto alto do cardápio. Entraria no meu roteiro apenas como um bom lugar para tomar um drink no final da tarde.

  • Endereço: Av. Bicentenario 4050, Vitacura
  • Contato: mestizo@mestizorestaurant.cl
  • Horário:
    • segunda a sexta: das 8:30 às 23h
    • sábado, domingo e feriados: das 9:30 às 23h
  • Preço: Vale apenas para tomar um drink no final da tarde

Le Due Torri

O Le Due Torri é um típico restaurante italiano daqueles que servem comida do dia-a-dia bem feita e sem o raio gourmetizador. A família que comanda o restaurante veio da Bologna e mantém os endereços em Santiago desde 1959. A carta é bem variada com opções de massas e risotos frescos. Fui de frutos do mar mais panna cotta com calda de frutas vermelhas e saí bem contentinha do almoço 🙂

Onde comer em Santiago - La due Torri 2

A casa fica no Borde Rio, um simpático complexo de restaurantes e bares em Vitacura, uma ótima opção para quem quer conhecer um lugar fora do circuito comum turístico de Santiago.

  • Endereço: Borde Rio, Escrivá de Balaguer, 6.400, local 1 (existem mais dois endereços na cidade)
  • Contato: borderio@leduetorri.cl
  • Preço: Vale o investimento

Onde comer em Santiago - La due Torri 1

Lastarria

Mulato

No coração do bairro boêmio e do momento em Santiago, o Mulato tem um clima gostoso e combina com um jantar. Trabalhando com ingredientes locais frescos, o restaurante é uma boa escolha para quem quer provar um pouco da cozinha autêntica do Chile como as empanadas de queijo e carne, ceviche, risoto de manjericão com robalo ou comida criolla.

  • Endereço: José Victorino Lastarria 307 Plaza Mulato
  • Contato: reservas@mulato.cl
  • Preço: Vale o investimento

Onde comer em Santiago - Mulato

Providência

Liguria Bar

O Liguria é o bar queridinho dos chilenos e dos viajantes descolados que adoram esse clima de comida de boteco de responsa. O ambiente tem uma decoração inusitada e a música típica embala as conversas acaloradas.  Os petiscos, os sanduíches típicos, as cervejas e os vinhos são o ponto anto da casa.

  • Endereço: Av. Providencia 1373, Providência (existem mais dois endereços na cidade)
  • Funcionamento: todos os dias das 10h às 2:30h
  • Preço: Acessível

Onde comer em Santiago - Luguria

Vinícolas próximas a Santiago

No quesito “vinícolas do Valle de Casablanca com ótimos restaurantes”, indico o restaurante da vinícola Indómita, mais até que a visitação à própria fábrica e o restaurante Equilíbrio da biodinâmica Matetic. Os relatos completos sobre cada restaurante você encontra nos posts dos passeios pelas vinícolas 🙂

Qual o seu restaurante favorito em Santiago?

Clique aqui para conferir todas as nossas dicas e roteiros do Chile \o/

Onde comer em Santiago - Equilibrio Matetic

Onde comer em Santiago - Indómita

Você também poderá gostar

Se gostou do que viu, assine o blog!


    2 Comentários
  1. Wow! Vontade de comer com os olhos estas fotos!

    Tenho uma dica boa e barata ali no centro, perto de Mercadão. É um restaurante peruano chamado D’ Leite. Fica na Bandera, 684, bem próximo ao cruzamento com a calle San Pablo. Foi o melhor ceviche que comi por aquelas bandas!

Deixe seu Comentário