atualizado em:

Matetic: a melhor vinícola do Vale de Casablanca

Se você tem apenas um dia para conhecer as vinícolas ao redor de Santiago, comece pela Matetic. É sensacional!

por Natalie Soares outros artigos do autor
atualizado em:

De todas as vinícolas que conhecemos na região de Santiago, entre o Vale de Casablanca e o Vale del Maipo, o tour pela Matetic foi sem dúvidas o que mais chamou minha atenção, tanto pela qualidade dos vinhos quanto pelo conceito da vinícola e seu belo cenário. É ideal para quem quer visitar uma vinícola linda e entender como funciona a produção da bebida sem o uso de agrotóxicos.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - degustação

Matetic Vineyards

Construída em 1999, a Matetic entrou no mercado apenas em 2002 e, logo em 2004, seu Syrah já ganhou um prêmio importante que o classificou como um dos cem melhores vinhos do mundo. A vinícola foi estrategicamente construída no Vale do Rosário, na região do Vale de Casablanca, por sempre ter um clima ameno e temperaturas mais baixas.

Noites frescas, névoa matinal, brisa ao cair da tarde e chuvas durante o inverno, tudo isso combinado com o clima mais ameno da costa seca do Chile e das correntes de água gelada do Oceano Pacífico, acabam criando o cenário ideal para o crescimento saudável das uvas. Elas amadurecem mais lentamente e, por isso, atingem uma acidez natural e sabores mais intensos sem a necessidade de intervenções químicas externas.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - onde fica

O solo também desempenha um papel importante para os vinhedos da Matetic. Ele é considerado um solo “granítico” e, embora pobre em nutrientes, sua característica arenosa permite que a água drene mais facilmente e que as raízes das parreiras consigam se fixar.

Apesar da sua produção anual chegar na casa de um milhão de garrafas, é raro conseguir encontrar os vinhos dessa marca dentro do Chile, já que 90% da produção é exportada para mercados internacionais.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - adegas

A Matetic leva o conceito de vinícola 100% orgânica e biodinâmica muito a sério, sendo considerada uma das maiores vinícolas biodinâmicas do mundo. Isso significa que, além de certificações suíças que garantem que a produção é de fato orgânica, o ciclo de produção é mais natural e sofre menos com a intervenção do homem do que em outras vinícolas que não adotam os mesmos métodos.

Um bom exemplo disso é a utilização do calendário solar e das fases da lua para ditar o ritmo das colheitas, sempre manual e bem restrita, entre meados de março e maio.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - perto de santiago

As parreiras não recebem nenhum tipo de fertilizante químico ou agrotóxico e são tratadas com produtos fitoterápicos, quando preciso. A Matetic mantém alguns animais vivendo soltos pela propriedade para ajudar na limpeza e fertilização natural da terra, além de utilizar adubos provenientes do reaproveitamento de cascas, sementes e outras sobras das uvas.

Esses detalhes podem parecer bobagem, mas fazem toda a diferença no produto final e resultam num vinho de maior qualidade com características mais marcantes e sem nenhum uso de agrotóxico (o grande vilão das nossas ressacas).

Hotel la Casona, o hotel da vinícola Matetic

Que tal tirar férias das férias? Uma maneira relaxante de aproveitar o clima do Vale de Casablanca é prolongar seu passeio além da degustação na Matetic. A vinícola também tem um hotel que fica pertinho da propriedade chamado La Casona.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - onde ficar

Ele foi construído em um antigo casarão colonial e tem apenas dez quartos aconchegantes que levam os nomes dos diferentes tipos de uvas e ainda guardam uma bela vista para os vinhedos.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - hotel

O hotel também oferece passeios complementares além das degustações. Você pode fazer diferentes trilhas a pé, de bicicleta e a cavalo pelo entorno da propriedade (a paisagem de mais de nove mil hectares é muito bucólica!). Além das atividades, é possível fazer a reserva com pensão completa (todas as refeições e passeios inclusos) ou meia pensão.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - tour diferentes

Para relaxar depois de um dia de passeios, a piscina é um convite perfeito para aproveitar uma taça de chardonnay.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - passeios

Passeio e degustação pela vinícola Matetic

Durante o tour, todo o processo de fabricação biodinâmico de vinhos é explicado, desde a colheita até a escolha do local para armazenamento dos barris (todos de carvalho francês), passando por informações e curiosidades sobre a Matetic. Claro que não poderia faltar a degustação de alguns dos melhores rótulos da vinícola ao final.

A Matetic tem duas linhas bem conceituadas: o Corralillo, mais expressão e com características acentuadas e que leva o nome de uma antiga adega do Vale do Rosário; e o EQ, mais equilibrado e fácil de tomar cujo nome representa o comprometimento em promover o balanço com a natureza.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - vinhos biodinâmicos

Sua produção inclui quatro variedades brancas: Sauvignon Blanc, Chardonnay, Riesling e Gewürztraminer e seis tintos: Pinot Noir, Syrah, Cabernet Sauvignon, Carménère, Malbec e Cabernet Franc.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - linha EQ

Anexo ao hotel La Casona também fica a lojinha da Matetic que é uma verdadeira perdição para quem gosta de vinho. Além de encontrar uma boa variedade de rótulos de diferentes uvas, os preços são mais camaradas do que no Free Shop de Santiago. Ah, ela também é um bom lugar para procurar temperos e outras coisinhas típicas do Chile. A loja também funciona como um wine bar, ou seja, você ainda pode provar diferentes rótulos antes de escolher o seu favorito.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - loja

Restaurante Equilíbrio

Para encerrar esse passeio com chave de ouro, a dica é reservar um almoço no Equilíbrio, o restaurante do hotel La Casona da própria vinícola. Ele fica aberto de terça à domingo sempre das 12:30 às 16h e das 19h30 às 22h para o jantar.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - onde comer

O restaurante costuma oferece menus sazonais de acordo com as diferentes estações do ano mantendo o respeito à cozinha regional. Lá você ainda pode provar o Late Harvest Corralillo, rótulo da Matetic servido de forma exclusiva. O menu degustação custa 47 mil pesos e pode ser reservado pelo email reservas@mateticwg.com, eles também oferecem opções de pratos à la carte e menu para as crianças.

Recomendo muito o almoço ou jantar nesse restaurante, é a cereja no bolo para sua experiência ficar ainda mais completa.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - pratos

Tipos de passeios e degustações

Tour e degustação Corralillo

  • Esse tour leva pelos caminhos da vinícola, passado pelos vinhedos e adega. Ele explica todo o processo de produção de uma bebida biodinâmica.
  • Degustação de três vinhos da linha Corralillo
  • Quando? De terça à domingo, das 10h às 17h
  • Preço: 17.000 pesos por pessoa
  • Idioma: em espanhol / inglês
  • Reserva: pode ser feita direto no site ou escrevendo para reservas@mateticwg.com

Tour e degustação Equilíbrio

  • Esse tour leva pelos caminhos da vinícola, passado pelos vinhedos e adega. Ele explica todo o processo de produção de uma bebida biodinâmica.
  • Degustação de quatro vinhos da linha EQ – acompanha pão e azeite. (Os EQ são de categoria superior aos já excelentes Corralillo).
  • Quando? De terça à domingo, das 10h às 17h
  • Preço: 23.000 pesos por pessoa
  • Idioma: em espanhol / inglês
  • Reserva: pode ser feita direto no site ou escrevendo para reservas@mateticwg.com

Degustação e shots de chocolate

  • Você pode fazer essa degustação sozinha ou acrescentá-la depois do seu tour completão. É uma harmonização de vinho e chocolate feita em copinhos de chocolate. São servidos Syrah, Chardonnay, Pinot Noir ou Gewürztraminer das linhas Corralillo ou EQ.
  • Degustação de quatro vinhos da linha EQ – acompanha pão e azeite. (Os EQ são de categoria superior aos já excelentes Corralillo).
  • Quando? De terça à domingo, das 10h às 17h
  • Preço: 3.300 pesos por pessoa
  • Idioma: em espanhol / inglês
  • Reserva: pode ser feita direto no site ou escrevendo para reservas@mateticwg.com

Como chegar até a Vinícola Matetic

A Matetic fica no Vale de Casablanca, a região famosa pela produção de vinhos brancos no Chile.

Ela fica pertinho de outras vinícolas famosas como a Casas del Bosque e a Indómita.

Também é possível combinar o roteiro das vinícolas de Casablanca com a passagem por Valparaíso e/ou Viña del Mar. Aliás, já pensou em conhecer a casa do poeta Pablo Neruda em Isla Negra?

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - restaurante

De tour guiado

Se você preferir a comodidade em detrimento à tensão de dirigir sozinho ou das limitações do transporte público, a Get Your Guide oferece um passeio completo pela Matetic.

De carro alugado

A maneira mais rápida de chegar até a vinícola a Matetic é de carro.

A partir da capital do Chile, o trajeto leva cerca de uma hora e meia, percorrendo quase 100 kms pela Rota 68.

O caminho indicado pelo Google Maps passa por áreas de pedágio que devem ser pagos em dinheiro vivo.  Saia de Santiago pela Costanera Norte via Av. Providencia e pegue a Ruta 68 sentido Casablanca e depois siga pela F-90, Ruta F-962-G e G-962-F. A vinícola fica bem escondida, confirme a rota antes de pegar a estrada.

Cuidado: se beber, não dirija. Escolha alguém para ser o motorista da rodada. Aproveite para ver nossas dicas de como dirigir nesta região do Chile e veja também ofertas de aluguel de carro em Santiago.

Vinícola Matetic, no Vale de Casablanca - como chegar

De transporte público

É um perrengue chique, mas é possível chegar até a Matetic de transporte público (mas atenção com os horários dos ônibus para voltar para Santiag).

  • Desça na estação de metrô Estación Central em Santiago
  • Siga até o Terminal San Borja
  • Pegue um ônibus até a cidade de Casablanca
  • Pegue um táxi até a Matetic (essa corrida pode ter um valor meio salgado)

De táxi ou aplicativo de transporte

Tanto a Uber quanto o Cabify não disponibilizam mais a opção de orçamento dentro do site para este trajeto no Chile, mas calcula algo em torno de 70 mil pesos para cada trecho dessa corrida. Lembre-se também que o único aplicativo de transporte legalizado no Chile é o Cabify.

Matetic Vineyards

  • Endereço: Fundo el Rosario, Casablanca. Site
  • Horário de atendimento da loja:
  • Horário dos tours:
  • Reservas: info@mateticwg.com

O Sundaycooks ficou hospedado no hotel La Casona a convite da Matetic e da Senatur – Chile.

Assine nossa newsletter!

Comentários