atualizado em:

Firenze Card: 78 atrações em Florença por um preço único

O Firenze Card é uma opção em Florença para os viajantes que gostam de roteiros históricos, mas vale a pena para você?

por Leonardo Neves outros artigos do autor
atualizado em:

O Firenze Card é uma comodidade que promete ser a solução para os apaixonados por história que visitam Florença, na Itália.

Por um valor único você pode conhecer 78 atrações entre museus e prédios históricos, ao longo de 3 dias, contados a partir da primeira entrada em um dos locais.

Mas será que vale a pena pagar o preço “salgado” do Firenze Card?

Firenze Card: o que é?

Semelhante ao CityPASS de Nova York, o Firenze Card é a chave-mestra dos museus e pontos turísticos de Florença.

Pagando 85 euros você garante a entrada nos 78 museus e exibições dos locais destacados, acesso pela fila prioritária (exceto no Museu do Duomo) sem a necessidade de reservas.

Ele inclui algumas atrações famosas como:

  • Galeria Uffizi
  • Galleria dell’Accademia
  • Palazzo Vecchio
  • Igreja Santa Maria Novella
  • Museo Galileo
  • Jardins de Boboli

E mais: os membros com menos de 18 anos da família do comprador do Firenze Card também não pagam a entrada (ótima economia pra quem viaja com os pequenos).

Firenze Card vale a pena 02

Por mais 7 euros, o turista pode ter o Firenze Card+ que além dos benefícios listados, inclui um bilhete para o uso de ônibus e trem dentro da cidade.

Além disso, o cartão tem parceria com diferentes estabelecimentos como cafés, gelaterias e restaurantes que oferecem descontos de até 20% para os compradores.

O desconto do Firenze Card vale também para lojas de roupas selecionadas, além de serviços turísticos como passeios terrestre e de bicicleta até transfers de limusine.

O prazo para uso do cartão é de 3 dias, contados a partir da entrada registrada na primeira atração contemplada.

Firenze Card: onde comprar

O cartão pode ser comprado no site oficial e ativado pelo aplicativo de mesmo nome para smartphones. Assim, não é preciso sequer ter cartão físico em mãos.

Aliás, a versão digital do Firenze Card permite que o viajante estenda o seu período de validade por mais 48 horas em até 12 meses após a primeira data de expiração, por 28 euros.

Contudo, caso seja sua opção, também dá para utilizar o voucher recebido no e-mail após a compra e apenas passar em um dos pontos de coleta do Firenze Card e ativá-lo.

Ou, para comprar direto em Florença, é só se guiar pelo site do Firenze Card e ver em qual dos 12 locais fica mais cômodo de comprar e sair com o cartão ativado.

Você vai encontrar um posto de venda na Estação central de trem. Procure por Santa Maria Novella – Biglietteria lato Stazione. Os horários de atendimento são de segunda à sábado, das 9h às 18h30, domingos e feriados das 9h às 13h30 e fechado no Natal e Ano Novo.

A bilheteria do Museu di Palazzo Vecchio (Piazza della Signoria) também vende o Firenze Card. Os horários de atendimento são: de outubro à março, todos os dias das 9h às 18h e às quintas até às 13h. De abril à setembro, todos os dias das 9h às 22h e às quintas até às 13h.

Firenze Card vale a pena 03

Firenze Card: vale ou não a pena

Como e onde utilizar o Firenze Card, fazendo valer a pena o investimento de 85 euros, requer um pequeno planejamento. Tantos museus, descontos, transporte incluso… 3 dias, 2 dias a mais com a versão digital… enfim, o Firenze Card vale a pena?

Basta fazer o cálculo do quanto você irá gastar com as paradas nos museus e locais que quer conhecer.

Por exemplo, as entradas individuais tanto para a Gallerie Degli Uffizi quanto para a Galleria dell’Accademia, as maiores atrações de Florença, custam 12 euros cada e com o passe você ainda tem acesso a uma fila menor (as vezes consegue até entrar direto sem passar pela fila convencional).

Fora isso, utilizar a opção de pegar o transporte público por mais 7 euros e os descontos aplicados em algumas lojas e restaurantes podem fazer o Firenze Card ser vantajoso. Mais do que economia, a grande sacada desse passe é a possibilidade de conseguir furar filas, algo incrivelmente grande o assunto é a maior cidade da Toscana.

Ou seja, vale se você quiser visitar muitos lugares e passar, pelo menos, 3 dias em Florença.

Assine nossa newsletter!