atualizado em:

O que há entre o Templo de Debod e o Teleférico?

“Without ice cream life and fame are meaningless” Combinamos o final da nossa visita ao Museu do Prado com o […]

por Natalie Soares outros artigos do autor
atualizado em:

“Without ice cream life and fame are meaningless”

Combinamos o final da nossa visita ao Museu do Prado com o Parque do Retiro, uma região super agradável de Madri. O Parque é enorme, perfeito para caminhar, fazer um picnic, respirar ar puro e encontrar muito verde. Infelizmente, o palácio de cristal estava fechado para reforma quando passamos por lá, mas mesmo assim valeu a pena conhecer essa área tão bonita.

Estudando os lerês da cidade, encontrei informações sobre o Templo de Debod e fiquei muito curiosa com a possibilidade de conhecer um templo egípcio fora do Egito. Então por que não incluir a visita no nosso roteiro?

O Templo de Debod foi doado à Espanha, reconstruído e inaugurado na cidade de Madrid em 1972, segundo informações do site Turismo Madrid.

A entrada é franca e os horários de visitação de verão (Abril a Setembro) são:

Terça a Sexta: das 10 as 14hrs e das 18 as 20hrs.

Sábados e Domingos: das 10 as 14hrs.

Segundas e feriados: fechado.

Mas cuidado para não chegar bem no horário da ciesta como nós fizemos 🙁 Por causa disso não conseguimos visitar a parte interna do Templo. =/ Uma pena. O Templo de Debod também é um mirante e de lá é possível ter uma visão linda de outros pontos da cidade. Capriche nas fotos.

Quantas surpresas e riquezas Madrid nos ofereceu em tão poucos dias. Quem poderia adivinhar que no caminho entre o Templo de Debod e o Teleférico, nós iríamos encontrar uma sorveteria Häagen-Dazs? Alegria de criança garantida. Nem deu tempo de nos preocuparmos com a chuva e o friozinho que estava chegando.

Saímos do hotel com uma programação super verão e chegamos no teleférico morrendo de frio e correndo da chuva.  Na verdade o Fred combinou essa mudança no tempo com São Pedro só para deixar o passeio com mais emoção já que a chuva e o vento faziam o carrinho do teleférico balançar um pouco.

Andar de teleférico é ótimo se você está com a família (e crianças) ou quer curtir a paisagem com calma. Os carros do teleférico não estão tinindo de novos, mas não é nada tão assustador ou animador (dependendo do ponto de vista da adrenalina) como o do Cerro San Cristóbal em Santiago no Chile.

Durante o percurso é possível avistar o Palácio Real, a Catedral, o próprio Templo Deblod  e alguns parques da cidade. Pagamos 5.20 euros por pessoa pelo ticket de ida e volta e passamos quase uma hora nos divertindo com o meu medo de altura e com o meu queixo que insistia em tremer de frio.

Para maiores informações, vale consultar o site da empresa para confirmar quais horários eles trabalham.

Assine nossa newsletter!

Comentários