atualizado em:

Como usar o transporte público de Berlim

O transporte público de Berlim é fácil e prático e traz opções de metrô, ônibus, trem e bicicleta. Não se perca na maior cidade da Alemanha.

por Leonardo Neves outros artigos do autor
atualizado em:

Andar de transporte público em Berlim é bem prático. Com menos de 2 euros você se desloca por toda a região central da cidade e conhece seus melhores pontos turísticos utilizando metrô, trem, ônibus ou bicicleta.

Além de ser a melhor forma de se inteirar no dia a dia da população, andar de metrô em Berlim é econômico e conveniente, ainda mais em tempos de euro nas alturas. Já andar de bicicleta na cidade é tão prático quanto usar o transporte público, pois existem pontos de aluguel em dezenas de lugares, inclusive perto de estações.

Nada melhor do que sair do Brasil sabendo onde comprar os passes de metrô, trem e ônibus, além de conhecer alguns detalhes do sistema que dá vida à capital da Alemanha até debaixo da terra.

Reserve seus passeios

Tours selecionado em Berlim:

Curiosidades sobre o metrô e os trens de Berlim

O sistema de trem e metrô de Berlim tem cerca de 150 quilômetros de extensão, mais de 170 estações e quase metade delas são patrimônios tombados.

Algumas têm tons coloridos, como os túneis das plataformas da linha U7 (a mais antiga do sistema) e outras apostam no pós-modernismo com predominância da cor branca e estilo futurista, como a linha U5.

O sistema de trem e metrô de Berlim não tem catracas de entrada e saída de passageiros, sendo que a validação é feita apenas na entrada, mas sem barreiras que restringem o acesso. A fiscalização dos bilhetes válidos é feita de maneira aleatória por inspetores dentro dos vagões. Ser pego sem um bilhete válido rende uma multa de cerca de 60 euros. A reincidência e evasão de pagamento pode resultar até mesmo em CADEIA.

E vale dizer que os inspetores podem não ser muito simpáticos e não fazem vista grossa para um bilhete errado. Por isso, consulte bem a sua rota e compre o bilhete certo para a zona que irá desembarcar e não tente ser espertinho.

andando de trem metro onibus e de bicicleta em berlim 02

Entendendo metrô e trem de Berlim

O transporte público de Berlim, assim como outras grandes cidades do mundo, é dividido em zonas de tarifas. A capital Alemã tem 3 zonas (A, B e C) e os tickets são cobrados com valores maiores para deslocamentos mais longos contando a partir da estação em que você embarcou.

A grande teia do mapa de transporte é dividida entre 9 linhas do S-Bahn, o sistema de trem suburbano administrado pela empresa de mesmo nome, e 15 linhas do U-Bahn, o mundialmente conhecido “metrôzão” gerido pela BVG.

A Zona A engloba toda a região central de Berlim incluindo as linhas circulares do S-Bahn, a S42 e a S41.

Essas linhas S41 e S42 do S-Bahn fazem um trajeto circular pela região central da cidade e são uma das melhores opções para se locomover entre principais pontos turísticos que ficam concentrados nesta zona.

Curiosidade: se você embarcar na linha e, simplesmente, não quiser sair… você pode até dormir sentadinho no vagão. Aliás, dizem que a linha é conhecida por ser o “berço” de algumas pessoas que exageraram um pouco na bebida e não tiveram o o ímpeto de voltarem para casa.

A Zona B engloba as regiões que limitam a cidade de Berlim e também o Aeroporto de Berlim-Tegel (TXL), o principal terminal de desembarque de voos vindos com conexão do Brasil. Ou seja, ela é usada mais por moradores e por turistas que chegam ou partem do país.

Já a Zona C, além de incluir cidades que cercam a capital como Potsdam e Oranienburg, também engloba a estação do Aeroporto Schönefeld, o segundo maior da da cidade.

andando de trem metro onibus e de bicicleta em berlim 14

Salve esses links com os mapas do metrô e trem suburbanos:

Preços do trem e metrô de Berlim

Os preços dos bilhetes de transporte público de Berlim variam conforme as zonas que você irá cruzar.

Apesar das melhores atrações estarem dentro da Zona A, digamos que você tenha se interessado por algo na Zona B ou C, o valor vai ficar mais caro.

Por isso, consulte o mapa do sistema e faça o trajeto entre onde você está e para onde quer ir.

Cruzou uma das Zonas demarcadas? Escolha uma opção de bilhete multizonas. Não cruzou? Ótimo. Só comprar um tíquete de viagem curta. Vai ficar mais tempo na cidade, os tickets diários ou de vários dias e até o Berlin Card valem mais a pena.

Onde comprar os tickets de metrô e trem?

Os bilhetes de metrô e trem podem ser comprados quase toda estação do S-Bahn ou U-Bahn dentro da Zona A de Berlim.

Basta localizar uma das maquinas amarelas ou vermelhas. Contudo note que em estações mais afastadas do centro da cidade, pode ser que não hajam bilheterias (o Fred já passou um aperto desse tipo em Munique quando errou o caminho. Quem nunca?).

Não se preocupe se você não fala alemão, o sistema de vendas tem a opção em inglês.

Comprando os tickets online

Disponível para dispositivos Android e iOS, o aplicativo de Tickets da BVG permite comprar bilhetes para todo o sistema de transporte de metrô e trem de Berlim com até 1 mês de antecedência para os bilhetes de uma semana e um mês.

Os métodos de pagamento são diversos, desde cartões de crédito internacional até o uso do Google Pay. Os tickets comprados vão para uma carteira virtual dentro do aplicativo e são validados apenas ao usar o QR code nas estações.

O aplicativo ainda fornece um mapa rápido de todo o sistema do U-Bahn e S-Bahn, um pequeno mapa interativo de onde você pretende partir e uma opção para selecionar quantas zonas irá cruzar em seu trajeto. Tudo isso depois de um breve cadastro que pede apenas seu nome e um e-mail válido.

A parte ruim é que o app precisa de acesso constante na web e pode não ser a melhor opção caso você queira acessar um mapa offline.

Mas não tem porque ficar desconectado na Alemanha: veja como comprar chip de internet. Consulte também como fazer seu guia com o Google Maps: é fácil e otimiza seu tempo na estrada.

andando de trem metro onibus e de bicicleta em berlim 15

Preço dos bilhetes de metrô, trem e ônibus de Berlim:

  • Viagem curta (dentro da mesma zona)
    • 1,70 euro
  • Bilhete único para Zonas A e B
    • 2,80 euros
  • Bilhete único para Zonas A, B e C
    • 3,40 euros
  • Bilhete de 4 viagens nas Zonas A e B
    • 9 euros
  • Bilhete diário para Zonas A e B
    • 7 euros
  • Bilhete diário para Zonas A, B e C
    • 7,70 euros
  • Grupos de até 5 pessoas
    • Bilhetes para Zonas A e B: 19,90 euros
    • Bilhetes para Zonas A,B e C: 20,80 euros

O trem e metrô de Berlim ficam abertos diariamente das 4h30 até meia-noite e meia (0h30).

andando de trem metro onibus e de bicicleta em berlim 06

Como usar o metrô de Berlim

Muito parecido com o metrô de Munique, não há catracas nas estações, por isso, antes de entrar no metrô, você precisa validar seu ticket nos totens como esse abaixo que ficam nas plataformas e estações. Insira seu passe no local apropriado, depois guarde seu ticket e pronto, já pode embarcar.

Berlim: como andar de metrô, ônibus, trem e bicicleta 1

Berlim Welcome Card

Se você está com planos de transitar bastante por Berlim, obviamente, o transporte público vai ser usado com certa frequência. Uma opção que cabe bem no bolso é o Berlin Welcome Card.

Além de oferecer descontos e acesso a centenas de atrações e lojas, o passe também traz o melhor custo-benefício para quem usará o transporte constantemente dentro de Berlim, na cidade de Potsdam e na Zona C, oferecendo viajantes ilimitadas durante todo o período de validade do cartão.

Você só precisar validar o cartão uma única vez quando fizer sua primeira viagem de transporte público em Berlim.

Dentro dos ônibus, você encontrará uma maquininha amarela para inserir seu Berlin Card e validá-lo. Já nas estações de U-Bahn e S-Bahn, a maquininha é vermelha e fica em um pequeno poste nas plataformas de embarque.

Assim como com os bilhetes comuns, mantenha seu Berlin Card com você a todo momento durante suas viagens de transporte (não queremos que você leve uma multa).

Preços do Berlin Welcome Card, válidos para 1 adulto e mais 3 crianças de 6 a 14 anos, são:

  • 48 horas
    • Centro de Berlim (Zonas A e B incluindo aeroporto Tegel): 23 euros
    • Berlim + Postdam (Zonas A,B e C incluindo aeroporto Schonefeld): 28 euros
  • 72 horas
    • Centro de Berlim (Zonas A e B incluindo aeroporto Tegel): 33 euros
    • Berlim + Postdam (Zonas A,B e C incluindo aeroporto Schonefeld): 38 euros
  • 72 horas + Museum Island
    • Centro de Berlim (Zonas A e B incluindo aeroporto Tegel): 51 euros
    • Berlim + Postdam (Zonas A,B e C incluindo aeroporto Schonefeld): 55 euros
  • 4 dias
    • Centro de Berlim (Zonas A e B incluindo aeroporto Tegel): 40 euros
    • Berlim + Postdam (Zonas A,B e C incluindo aeroporto Schonefeld): 45 euros
  • 5 dias
    • Centro de Berlim (Zonas A e B incluindo aeroporto Tegel): 46 euros
    • Berlim + Postdam (Zonas A,B e C incluindo aeroporto Schonefeld): 49 euros
  • 6 dias
    • Centro de Berlim (Zonas A e B incluindo aeroporto Tegel): 49 euros
    • Berlim + Postdam (Zonas A,B e C incluindo aeroporto Schonefeld): 52 euros

Além da versão convencional existe ainda o Berlin Welcome Card All-Inclusive que, como o nome indica, inclui ainda mais benefícios além das passagens ilimitadas de transporte público.

São ao menos 30 atrações inclusas no cartão entre museus, tours e ônibus turísticos com opção de hop-on e hop-off. Além disso, a versão all-inclusive do cartão tem ainda descontos especiais de até 30% em diversos shows, peças de teatro, restaurantes e compras em diferentes lojas.

Já reservou seu hotel?

Qual o melhor bilhete para usar o transporte de Berlim?

Aqui você pode fazer umas continhas de quantos dias pretende passar em Berlim e quais lugares pretende visitar. Mas vou tentar ajudar com a matemática simples.

Para a maioria dos turistas que ficam até 7 dias em Berlim passeando pelas atrações, o Berlin Card é a melhor opção.

Se você está fazendo um mochilão e não vai ficar mais do que 2 dias em Berlim (uma pena, devo dizer), nós sugerimos o Bilhete diário para Zonas A e B. Assim, você transita por toda a região central da cidade e ainda só paga 7 euros por dia (mas não garante descontos ou entradas gratuitas em nenhuma atração paga).

Já os bilhetes de viagem curta (apenas uma zona) são interessantes se você fizer até 4 viagens por dia dentro de uma única zona, gastando 6,80 euros.

Vai viajar entre mais de uma zona? O Bilhete diário para Zonas A, B e C é o mais indicado.

E em qualquer caso, estando em mais de 3 pessoas no mesmo grupo, os bilhetes de grupo sempre serãp mais econômicos.

andando de trem metro onibus e de bicicleta em berlim 12

Aplicativos de transporte em Berlim

Os aplicativos de carona são para quem não está lá muito afim de encarar o transporte coletivo e tem uma graninha a mais para os gastos de deslocamento (ou só perdeu o horário saindo do bar e viu que a estação de metrô está fechada até as 4h30).

Em toda a Alemanha, os mais utilizados são o Uber e o MyTaxi. O primeiro dispensa apresentações, já o segundo é o mais conhecido e utilizado no país para quem quer pedir um táxi e/ou agendar uma corrida. Semelhante ao Uber, o pagamento também é feito diretamente pelo próprio aplicativo usando cartão de crédito.

Os preços dos dois aplicativos costumam ser semelhantes, porém, O MyTaxi utiliza os valores que serão apresentados pelo taxímetro, enquanto que com o Uber o valor já fica estabelecido antes de chamar o carro.

andando de trem metro onibus e de bicicleta em berlim 07

Andando de ônibus em Berlim

Ônibus comum

Berlim tem mais de 100 linhas de ônibus que transitam por toda a cidade e seus arredores. Os pontos de ônibus podem ser encontrados em praticamente cada rua da cidade e são identificados com um H dentro de um circulo amarelo.

Nos pontos de paradas, como costume na Europa, estão expostas as linhas e horários dos ônibus que passarão ali. Se sua parada não estiver na lista, talvez você tenha que atravessar a sua e pegar o ônibus no sentido contrário. Fique atento.

Todas as linhas fazem integração com ao menos uma parada de uma estação de S-Bahn ou U-Bahn. Aliás, os ônibus demarcados com um M transitam 24 horas, sete dias por semana, com intervalos de 10 minutos.

Que tal sair do Brasil com seu chip de internet garantido?

A EasySim4U oferece atendimento em português, pacotes ilimitados de internet e entrega em todo Brasil!

Rota turística de ônibus

Outra vantagem de usar o ônibus em Berlim é possibilidade de fazer um tour pelo precinho camarada do transporte público local (ou até mesmo de graça se você comprou o Berlin Card). Isso porque o ônibus de número 100 faz uma verdadeira rota turística pela cidade alemã.

Você pode embarcar no ônibus da linha em Alexanderplatz (já começando o tour com uma das melhores atrações) e de lá fazer um hop-on e hop-off nos principais pontos turísticos em que a linha passa como a famosa avenida Unter den Linden e o Portão de Brandenburgo. 

O ônibus tem dois andares e com sorte você pode embarcar, subir as escadas para o segundo piso e garantir lugar logo nas primeiras poltronas tendo a melhor vista de toda a Berlim.

Ônibus noturno

Com um sistema de trem e metrô eficientes e com tantas linhas, é difícil ter que precisar usar qualquer outro meio de transporte em Berlim. MAS… voltamos àquela situação do bar depois das meia-noite e meia. O que você faz, caro leitor boêmio? Pega um ônibus e tá tudo certo.

No período em que as linhas de S-Bahn e U-Bahn ficam desativadas, entram em cena os ônibus noturnos de Berlim. Pelo mesmo valor de entrada, os ônibus fazem paradas em todas as estações das linhas correspondentes de metrô.

Assim, as linhas do U-Bahn são substituídas por ônibus da seguinte forma:

  • U1 – Ônibus N1
  • U2 – Ônibus N2
  • U3 – Ônibus N3
  • U4 – Ônibus N4
  • U5 – Ônibus N5
  • U6 – Ônibus N6
  • U7 – Ônibus N7
  • U8 – Ônibus N8
  • U9 – Ônibus N9

Salve este link com um mapa de todas as linhas de ônibus de Berlim:

andando de trem metro onibus e de bicicleta em berlim 01

Andando de bicicleta em Berlim

Digamos que seja um período de verão e você está a fim de conhecer a cidade fora do sistema de transporte público. Que tal então alugar uma bicicleta?

Berlim é uma das cidades mais “bike-friendly” do mundo, oferecendo uma estrutura de mais de 1000 km de ciclovias por toda a cidade.

Começar a andar de bicicleta desde cedo é uma prática quase que cultural da população. Mesmo em pontos onde não há ciclovias, é comum ver ciclistas nas ruas. Os motoristas costumam ser bem respeitosos com o espaço de quem está em cima de uma bicicleta.

Existem diversas de empresas de locação de bikes espalhadas por toda a Berlim. Inclusive, é também comum que hotéis ofereçam o serviço (se informe com o local que está hospedado).

Next Bike

A Next Bike é uma das empresas que oferece o aluguel de bicicletas por toda a Berlim.

O processo para pegar uma bike com detalhes em azul da empresa é fácil: basta se registrar gratuitamente no site, instalar o app no celular, seguir as instruções quando encontrar uma bicicleta que queira alugar e tirá-la da trava.

As bicicletas da Next Bike podem ser encontradas em qualquer via de Berlim. No site da empresa você encontra um mapa atualizado em tempo real com as bikes mais próximas.

Apenas lembre-se que se deixar a sua bicicleta fora das flex zones, basicamente fora da cidade de Berlim, uma taxa de 20 euros será cobrada, além de 2 euros adicionais para cada quilômetro fora da área.

Para se registrar e usar o serviço é necessário ter um cartão de crédito internacional. Assim, o aplicativo fará o depósito de um crédito de 1 euro na sua conta para verificar o método de pagamento. A partir dali você já pode retirar a bike em uma das centenas de pontos de retirada a curtir a sua primeira meia hora de uso.

O valor referente ao tempo de uso é debitado do cartão assim que você deixa a bicicleta e ajusta a trava.

O processo para alugar a bike pelo aplicativo (o meio mais recomendado e prático) é o seguinte:

  1. Escolha sua bike e encontre o código numérico ou o QR Code dela
  2. Abra o aplicativo e digite o código da bicicleta escolhida ou escaneie o QR Code
  3. Você receberá um código de destravamento da bike
  4. Digite o código na tranca
  5. Pedale por aí

Para devolver o processo é semelhante:

  1. Encontre uma rua principal ou junção para deixar a bicicleta
  2. Aperte OK no computador da bike
  3. Feche a tranca como havia encontrado antes
  4. Espere a confirmação

A Next Bike cobra 1 euro para cada meia hora de uso e 9 euros pelo uso diário da bicicleta. Uma opção mensal é oferecida por 10 euros, onde os primeiros 30 minutos de uso são GRATUITOS.

Antes de pegar a bike em Berlim, lembre-se: os serviços de transporte público cobram um adicional de 2 euros pelo transporte da bicicleta. Leve isso em consideração se você não estiver com o pique de fazer o trajeto de volta seja lá de onde você estiver.

Assine nossa newsletter!