atualizado em:

Mountain Lodges of Peru: ruínas, montanhas e muita história

Foi depois do convite da Mountain Lodges of Peru para fazer a rota de Lares de Cusco a Machu Picchu que o bichinho do trekking me mordeu.

por Fred Marvila outros artigos do autor
atualizado em:

Era minha quinta viagem ao Peru e meu segundo encontro com Machu Picchu no mesmo ano (yay!) mas, dessa vez, os caminhos que me levariam até lá seriam diferentes.

O motivo da viagem não poderia ser mais especial: sair de Cusco até a cidade perdida dos incas fazendo diferentes trilhas pelo Vale de Lares, pelo Vale Sagrado e dormindo cada noite num hotel diferente da Mountain Lodges of Peru.

Nada de perrengue ou de tendas improvisadas. Todos os dias caminhávamos por rotas menos conhecidas, completamente intocadas do turismo de massa e encontrávamos paisagens únicas (por mais clichê que esse adjetivo possa parecer). Ao nosso redor apenas uma ou outra pessoa dos vilarejos próximos levando sua vida pacata.

Todos os dias eram acompanhados de um misto de pequenas vitórias e encantamento. Os pés cansados e os efeitos da altitude aumentavam a alegria ao encontrar belezas naturais e culturais diferentes dos cartões postais de Instagram.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 06

Roteiro Lares Adventure da Mountain Lodges of Peru

Antes de começar o roteiro das trilhas, passei um dia em Cusco, no conforto do Hotel El Mercado, me aclimatando. Esse período é essencial para nosso corpo ir se acostumando com a altitude da região. Também não deixe de conferir aqui algumas dicas para se preparar para fazer trilhas no Peru.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 01

Primeiro dia: trilha de Amaru

Chegou o momento de apertar a bota e encarar nossa primeira caminhada de quatro horas pela trilha de Amaru. Uma vegetação vasta e rasteira mostrava um pouco da imensidão do vale e dos seus 4.328 metros de altitude.

No meio do dia, fizemos uma pausa para conhecer o vilarejo de Viacha, um dos primeiros contatos com os povoados locais que fazem parte do projeto de turismo sustentável da Mountain Lodges.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 03

Nosso almoço foi uma tradicional pachamanca oferecida pelo chefe da comunidade, que ainda nos explicou tudo sobre os diferentes tipos de vegetais, milhos e batatas peruanas, além dos sistemas de plantação e colheita utilizados nessa área.

Pachamanca é um tipo de assado em que se enterra toda a comida, de vegetais a carnes (incluindo o cuy), junto com madeira em brasa e pedras quentes. Depois de várias horas, normalmente quando os trabalhadores voltam do campo, essa comida é desenterrada e tudo ainda está quentinho e pronto para comer.

Já era hora de seguir para o primeiro ponto de descanso: o Lamay Lodge, que fica na pequena cidade de Lamay e oferece oito quartos exclusivos para os viajantes que estão percorrendo a rota de Lares. A decoração aconchegante, a fogueira e o jantar com aquele gostinho que só a cozinha peruana tem fecharam o primeiro dia em grande estilo.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 04

Segundo dia: trilha de Cuncani até Huacahuasi

Disposto a encarar todas as trilhas, nesse segundo dia optei por mais uma caminhada de quatro horas de Cuncani até Huacahuasi.

Mesmo não tendo aquele condicionamento físico de dar alegria ao cardiologista, fazer uma trilha nos 4.219 metros de altitude e ainda ver paisagens muito diferentes no Peru tem sempre um quê de conquista e satisfação.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 07

Dessa vez, a noite foi no Huacahuasi Lodge, outro hotel mantido exclusivamente pela Mountain Lodges. Cercado pela enorme cadeia de montanhas, cada quarto tem sua própria banheira aquecida ao ar livre. Era tudo o que eu precisava!

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 08

Terceiro dia: da passagem de Lares até o vilarejo de Totora

Acorda, menino! Acorda, menina! O terceiro dia prometia uma agenda cheia de boas surpresas entre a passagem de Lares e o vilarejo de Totora. A trilha começava por lugares mais descampados, até cruzar áreas agrícolas e chegar no rio que corta um grande cânion.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 11

No caminho, encontramos desde camponeses que falavam apenas quéchua até crianças que usam as trilhas por entre o cânion diariamente para ir à escola. Uma delas exibia toda orgulhosa os óculos de grau que usava.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 13

Depois de almoçar em Urubamba, era hora de pedalar mais alguns quilômetros margeando o rio e os trilhos do trem até quase chegar a Ollantaytambo. Aqui a paisagem e a vegetação já tinham se transformado quase que completamente.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 12

Viaje pelo Peru com o Sundaycooks

Quer viajar sem preocupações pelo Peru?

Nós preparamos um roteiro incrível e uma grande novidade que vai simplificar tudo para você! 😀

> Conheça nosso tour exclusivo e prepare suas malas!

Já imaginou dormir numa pedra arco-íris? Em quéchua, a língua dos incas, esse é o significado de k’uychi rumi. Nossa morada andina daquela noite, o K’uychi Rumi Lodge, era rodeada por um belo jardim e pela imensidão das montanhas de Urubamba.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 14

Quarto dia: conhecendo Ollantaytambo de um ponto diferente

Mesmo já tendo visitado o complexo arqueológico de Ollantaytambo, nunca tinha conseguido fazer a trilha de Pinkuylluna Alto – aquela montanha que vemos em frente às ruínas e que todo mundo fala que tem a forma de uma cabeça.

Foram duas horas de muitos degraus até chegar ao topo e, uau! Valeu cada segundo de dor no joelho. O passeio continuou pela cidade de Ollantaytambo antes de seguirmos para a estação de trem.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 15

Hora de embarcar no trem da Inca Rail para Aguas Calientes e de me preparar para aquelas borboletas no estômago que sempre acontecem às vésperas de rever um grande amor. Machu Picchu, aí vou eu!

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 16

Passamos a noite no Inkaterra Machu Picchu Pueblo, um hotel que há muito queria conhecer, mas vou guardar os detalhes para um review completo.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 17

Quinto dia: Machu Picchu

Acordar cedo e encarar a fila das vans que sobem até a entrada das ruínas é um roteiro que já conheço de cor, mas subir a Montanha Machu Picchu era algo que ainda não tinha feito. Apesar de mais difícil e mais distante que subir Huayna Picchu, encarar essa outra trilha foi um desfecho perfeito para uma viagem que despertou em mim uma nova paixão: o trekking.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 20

Do topo da montanha, refiz meus pedidos, recarreguei as energias e dei um “até logo” para os deuses Incas, pois já era hora de começar a volta para casa. Não sem antes parar por uma noite no Hotel El Retablo de Cusco.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 19

O conceito Mountain Lodges of Peru

All inclusive de aventura.

Os pacotes da Mountain Lodges podem ser feitos entre cinco e sete dias, com um período de aclimatação em Cusco. Fiz o caminho mais curto entre Cusco, Vale Sagrado e o Vale de Lares, passando por lugares conhecidos como Pisac e Ollantaytambo – sempre apresentados sob uma nova perspectiva – e descobrindo pontos interessantes como Ankasmarka e Choquecancha.

O que é o pacote Lares Adventure?

A Lares Adventure é um pacote do Mountain Lodges lançado em 2015 e que oferece um menu de atividades fora do lugar comum para quem quer viajar até Machu Picchu percorrendo trilhas compartilhadas apenas com moradores de povoados isolados. Todas as refeições (menos o café da manhã do dia de chegada e o jantar na última noite), os transportes, guias 100% do tempo, entradas para os sítios arqueológicos (inclusive o ingresso para Machu Picchu e o trem da Inca Rail) e uma intensa agenda de atividades estão inclusos no valor da viagem.

Ao percorrer a rota de Lares, sua única preocupação será escolher o que pretende fazer no dia seguinte: passeio cultural ou trilhas mais leves ou mais pesadas, tudo sempre acompanhado de um profissional qualificado – o que também faz toda diferença nessa imersão no coração do Vale Sagrado.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 09

Quanto custa pacote Lares Adventure e como contratar?

Os valores para a rota de cinco dias começam em 1.800 dólares e não incluem o aéreo, exceto quando a Mountain Lodges lança alguma promoção temporária. Lembre-se que a época de chuvas no Peru acontece entre meados de outubro até março e elas podem interferir diretamente nas condições das trilhas.

Por se tratar de um programa que envolve muito mais do que apenas a reserva nos hotéis, existem duas formas de comprar essa viagem: entrando em contato diretamente pelo site oficial da Mountain Lodges ou com um bom agente de viagens. A empresa também costuma organizar saídas para trilha de Salkantay num outro formato de pacote.

Trilhas pelo Peru - Mountain Loges - 0D:\fotos para posts\Mountain Lodges - 05

Se você ficou interessado na Rota de Lares, escreva para a Venturas solicitando um orçamento. Eles são nossos parceiros de confiança e desenvolveram ao nosso lado vários pacotes personalizados pelo Peru e são experts em viagens que mesclam aventura e cultura.

Peça um orçamento

Escolha o pacote:

A partir de: Selecione um pacote
Valor por pessoa sem aéreo. Veja condições aqui.

O Sundaycooks viajou ao Peru a convite da Mountain Lodges of Peru.

Assine nossa newsletter!