atualizado em:

O Peru está aberto para os brasileiros

Turistas vindos do Brasil podem entrar no país a partir do dia 5 de setembro de 2021.

por Natalie Soares outros artigos do autor
atualizado em:

O Peru vem flexibilizando a reabertura de suas fronteiras e tentado retomar as atividades turísticas, setor que foi fortemente afetado pela crise da COVID-19. E a notícia mais aguardada dos últimos meses por muitos leitores do Sunday enfim chegou: o Peru vai reabrir suas fronteiras para turistas brasileiros vacinados ou que apresentarem o exame de PCR negativo.

A nova regra passa a valer a partir de 5 de setembro e nos pegou de surpresa. Esperámos algo assim para o final do mês. A diretriz publicada no diário oficial hoje, dia 4 de setembro, autoriza a retomada dos voos entre o Brasil e o Peru, mas tem validade até 19 de setembro. Tomara que as fronteiras continuem abertas para os brasileiros vacinados.

Viagem e arquitetura destinos arquitetonicos machu picchu (3)

Regras para viajar para o Peru em 2021: COVID-19

Brasileiros já podem visitar o Peru.

O país não vai exigir a quarentena de 14 dias na chegada. Basta apresentar um teste de exame tipo PRC feito em até 72 horas antes da viagem e/ou o comprovante de imunização completo emitido pelo ConectSUS em espanhol.

Também é obrigatório o preenchimento da declaração de saúde chamada Declaración Jurada de Salud y Autorización de Geolocalización. Acesse o link indicado nesse texto e preencha todos os campos corretamente antes do embarque.

Esse formulário deverá ser apresentado tanto no check-in quanto na entrada no país junto com o resultado do exame.

Pegadinha: as fronteiras terrestres seguem fechadas tanto para os brasileiros quanto para os peruamos. Dessa forma, ainda não é possível fazer a viagem por terra via o Acre.

Não se esqueça!

Mesmo os turistas vacinados devem viajar com um bom seguro viagem que cubra a Covid-19. A pandemia ainda não acabou. Veja algumas ofertas de seguro.

Voos para o Peru suspensos por tempo indeterminado

A LATAM anunciou que deve retomar a rota entre São Paulo e Lima em outubro. Os voos partindo de Guarulhos serão diários e operados com um Airbus A320. Já a GOL, nos respondeu dizendo que tem planos de retomar em dezembro, mas depende das condições de melhorias do cenário pandêmico. Por fim, a Avianca já voltou a ligar o Brasil com a Colômbia, mas ainda ao Peru. A cia tem planos de recuperar a rota Bogotá – Lima, entretanto, não temos datas marcadas.

Saúde pública e controle da pandemia

O Peru é um dos países mais afetados pelo surto de Covid-19 no continente americano e o governo segue mantendo o estado de alerta até o final de novembro. Com recursos escassos e problemas econômicos graves, fica ainda mais difícil conseguir conter o avanço da pandemia. Como mais de 70% da população trabalha no mercado informal, é muito difícil manter o isolamento e o distanciamento social, o que agrava ainda mais a propagação do vírus. O resultado será devastador para a população mais pobre do país.

Atenção! Não deixe para a última hora.

Ao entrar no Brasil, todos são obrigados a apresentar um teste PCR negativo feito antes das últimas 72 horas ou um teste antígeno não detectável colhido em até 24 horas antes da viagem mais a Declaração de Saúde do Viajante (DSV) preenchida também em até 24 horas antes da viagem.

Desde o começo de outubro, o governo brasileiro passou a aceitar o teste de antígeno. Uma boa notícia, tendo em vista o fato de que esse exame é mais barato, fácil e rápido de ser feito.

Então agora é possível apresentar ou o teste de antígeno (24 horas) OU o laboratorial RT-PCR (72 horas).

A apresentação desses exames é exigida para viajantes acima de 12 anos. Se a criança estiver acompanha, ela está isenta de apresentar o teste. Em casos contrários, ela precisa apresentar toda a documentação completa.

Todos os documentos são conferidos pela cia aérea durante o check-in do seu primeiro voo, mas fique atento caso precise fazer conexão em outro aeroporto. As regras podem mudar de acordo com cada destino.

Se sua conexão vai levar mais de 24 horas, opte por um teste do tipo RT-PCR. Se não, será necessário repetir o teste antígeno assim que vencer o tempo de validade antes de chegar ao Brasil.

Covid no Peru: fronteiras reabertas para o Brasil 1
Que tal curtir o conteúdo do Sunday e aproveitar para sonhar com suas férias até lá? Brindaremos com muito Pisco Sour e Cusceña.


    Assine nossa newsletter!

    Comentários